Como o DIU é colocado no útero? Confira no vídeo

Além da pílula anticoncepcional, que vem levantando muita polêmica ao redor do mundo nos últimos tempos, o Dispositivo Intrauterino (DIU) é um dos mais seguros e eficazes métodos anticonceptivos que existem. Para quem não sabe como isso funciona, o DIU é colocado no útero e é a partir daí que ele evita a fecundação.

Existem, na verdade, dois tipos de DIU: o de cobre e o hormonal, chamado também de Mirena. No primeiro caso, ele tem um formato de “T” cilíndrico. Ele permanece no útero durante 10 anos e dificulta que os espermatozoides cheguem até a trompa uterina.

DIU hormonal

No caso do Mirena, a contracepção é feita por hormônio e tem duração de 5 anos. Em formato de “Y” (mas, adota o formato de “T” quando implantado), o dispositivo é colocado no útero e assim, libera quantidades diárias de progesterona suficientes para dificultar a implantação do espermatozoide.

E, embora o DIU de Mirena libere hormônios no corpo, especialistas explicam que não se tratam de hormônios prejudiciais, como no caso dos anticoncepcionais em pílulas. Portanto, o uso do dispositivo não aumenta as chances de trombose e embolia pulmonar e diminui ainda os riscos de um câncer de colo de útero. Interessante, não?

Como o DIU é inserido?

Agora, se você está se perguntando como essa pecinha é colocada dentro do corpo da mulher, a resposta é simples: o DIU é colocado no útero pelo canal vaginal. O procedimento é bem simples e rápido, feito no consultório ginecológico, como você confere no vídeo abaixo.

Veja como é colocado no útero:

Viu como é simples? Agora, sabia que antes de colocar esse contraceptivo você precisa suspender o uso do anticoncepcional por um tempo? Por causa disso, é possível que você queira conferir também essa outra matéria: O que acontece no corpo quando você para de tomar anticoncepcional?

Fonte: Minha Vida, Youtube