O que acontece no corpo quando você pula refeições

Quantas vezes na vida você deixou de fazer uma refeição por falta de tempo, preguiça ou por qualquer outro motivo? Embora pareça algo simples e inocente, quando você pula refeições consequências catastróficas podem acontecer em seu corpo.

Como você vai ver na matéria de hoje, não é só sua disposição que fica comprometida quando você pula refeições, mesmo as mais simples, como um lanchinho no meio da tarde. Isso porque seu organismo, por mais que você trabalhe sentado, em frente a um computador; precisa de muita energia para se manter vivo e é da alimentação que ele retira o combustível necessário para se manter em atividade.

Quando você fica muito tempo sem comer ou pula refeições, seu corpo começa a entrar em pane, fica lento e desencadeia uma série de reações nada positivas para sua forma física, para sua saúde e para seu equilíbrio mental. Refeições importantes como o café da manhã, o almoço e o jantar, então, é melhor nem mencionar!

Como você vai ter a oportunidade de conferir, até mesmo seu cérebro sofre grandes impactos quando você pula refeições. Isso, claro, sem contar nos efeitos mais imediatos, como os níveis de açúcar desregulados na corrente sanguínea.

Tenso, né? Pena que não os “estragos” não param por aí…

Descubra o que acontece no corpo quando você pula refeições:

1. Níveis desregulados de açúcar no sangue

1

Se você não tem qualquer doença, como o diabetes, seu nível de açúcar no sangue costuma ser equilibrado. Mas, quando você pula uma refeição, no meio do seu dia, seu corpo sofre com a falta de energia. Isso porque seus órgãos começam a trabalhar sem a quantidade suficiente de açúcar como combustível e o corpo paga o preço, você fica cansada e tem dificuldades para se concentrar.

2. Acúmulo de gordura

2

Seu corpo tenta manter você vivo o tempo inteiro e, para que ele possa trabalhar bem, é preciso ter energia suficiente. Como ele faz isso se você pula refeições, que são o combustível desse trabalho vital? Acumulando gordura, claro.

Quando você passa muito tempo sem comer, seu corpo entende que vai passar fome e impede você de perder calorias. Essa dica, aliás, é bastante importante para quem está precisando perder alguns quilinhos.

3. Irritabilidade e fadiga

3

Não é só o nível de açúcar no sangue que entra em confusão total. Seu cérebro é diretamente afetado quando seu metabolismo fica lento. E, se você ainda não sabia, quando você pula refeições e fica sem energia, seu humor e disposição ficam comprometidos.

A falta da ingestão de vitaminas no horário e na quantidade adequados, além de fragilizar sua saúde física, estremesse sua saúde mental, fazendo de você uma pessoa irritadiça e cansada.

4. Estresse e compulsão

4

Sem comida suficiente, seu energia não é suficiente, você fica irritada e o hormônio do estresse começa a fluir em seu corpo como uma cascata. A consequência disso, além de todo mau humor e irritabilidade, é a compulsão na próxima vez que você estiver diante de alguma alimento.

E não para por aí sua má sorte: combinado a tudo isso, você só reforça o acúmulo de calorias no corpo. É por isso que, às vezes, você não come muito, mas continua engordando ou acaba enfrentando dificuldades para emagrecer.

5. Fome descontrolada

5

Já percebeu que quando você pula refeições, na próxima vez que vai comer, sente vontade de devorar lanchinhos rápidos e gordurosos? Isso acontece porque seu corpo fica completamente desregulado, como já explicados nos tópicos anteriores. Isso facilita o ganho de peso, o descontrole nos níveis de açúcar e insulina, a compulsão e assim por diante.

Por outro lado, se você comer de três em três horas, por exemplo, vários reflexos negativos deixarão de ser percebidos ao longo do dia, você se sentirá mais saciada, mais disposta e mais calma e concentrada.

E, por falar em comer da forma correta, você deveria ler também: Qual o tamanho da porção dos alimentos podemos consumir?

Fonte: Huffington Post, Mega Curioso