Mulheres inspiradoras: 9 brasileiras que estão na lista da BBC de 2017

Os 60 primeiros nomes das 100 mulheres inspiradoras de 2017 já foram divulgados pela BBC e a notícia não poderia ser melhor: até agora, nove brasileiras já estão na lista.

Para quem não sabe, o projeto reúne grupos de mulheres inspiradoras (literalmente) pelo mundo para discutir problemas do dia a dia que prejudicam ou dificultam de alguma forma a vida de todas as demais mulheres do mundo.

Mc Soffia, de apenas 13 anos, é um dos destaques da lista

Esse ano, o encerramento do projeto será no Rio de Janeiro, entre os dias 23 e 27 de outubro, e o tema da vez será o sexismo nos esportes.

As brasileiras entre as mulheres inspiradoras do ano, aliás, têm tudo a ver com a temática. Todas elas serão foco de reportagens e de programas especiais exibidos pela rede americana BBC em seus serviços de notícias internacionais, ou seja, nos 28 idiomas em que as notícias são distribuídas.

Veja quem são as brasileiras que estão na lista de Mulheres Inspiradoras da BBC:

. MC Soffia, rapper de 13 anos

. Adriana Behar, ex-jogadora de vôlei de praia e medalhista olímpica

. Nora Ronai, nadadora e atleta de 93 anos, vencedora de seis medalhas de ouro de natação no Masters World Championships em Montreal, Canadá (2014)

. Beatriz Vaz e Silva, jogadora de futebol que fez parte da seleção brasileira de futebol por quatro anos

. Fernanda Nunes, remadora olímpica

. Claudianny Drika, treinadora de futebol que trabalha com jovens de uma comunidade carente no Rio

. Ana Luiza Santos de Andrade, estudante de 12 anos que defende igualdade para meninos e meninas no futebol

. Luiza Travassos, estudante de 13 anos que conta seu dia a dia como jogadora feminina de futebol nas redes sociais

. Maira Liguori, diretora da ONG Think Olga, dedicada a capacitar as mulheres compartilhando informações

E então, você já tinha ouvido falar nessas brasileiras de fibra?

Agora, falando em mulheres de destaque, não deixe de conferir ainda: As mulheres mais bonitas do Brasil e do mundo em 2017.

Fontes: Claudia