Novembro Azul: você sabe o que é? E como surgiu?

Enquanto o mês de outubro é dedicado à saúde da mulher, com o Outubro Rosa; o mês de novembro é dedicado à saúde masculina. Para quem não sabe, o Novembro Azul é um alerta para o câncer de próstata e para a relevância dos exames regulares e do diagnóstico precoce da doença.

A campanha começou em 1999, na Austrália em um Pub (pasmem!).

Aproveitando a proximidade do Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata, comemorado em 17 de novembro; um grupo de amigos teve a ideia de deixar o bigode crescer durante todo o mês para chamar atenção para a saúde masculina e para a arrecadação de fundos para instituições de caridade.

É por causa disso, aliás, que além do laço azul (parecido com o laço cor de rosa do Outubro Rosa), o símbolo do Novembro Azul é um bigode.

No exterior, inclusive, a campanha é chamada de Movember, uma mistura das palavras “Moustache” (bigode, em inglês) + “November” (Novembro, em inglês).

Como surgiu o Novembro Azul?

A campanha do grupo de amigos deu tão certo que, em pouco tempo, toda a Austrália abraçou a causa.

Em 2004, Movember Foundarion Charity, uma instituição de caridade dedicada a levantar fundos para os homens diagnosticados com câncer de próstata e depressão, e sem condições de bancar o tratamento.

Para ajudar na campanha, além dos eventos beneficentes, os homens passaram a ser convidados a deixar os bigodes crescerem durante o mês de novembro, enquanto as mulheres passaram a apoiar a causa usando a cor azul ou bigodes falsos.

A campanha pelo mundo

Depois de um tempo, o Novembro Azul começou a chamar atenção mundial. Com isso, o simples fato de deixar o bigode crescer se tornou um ato muito simples e campanhas como a “No Shave November”, já convidam os homens a não se barbear ao longo do mês.

Seja o bigode, a barba ou a cor azul, a intenção dos criadores da campanha é deixar os desavisados curiosos para descobrir o motivo da movimentação e procurarem saber mais sobre o Novembro Azul e sobre o câncer de próstata.

Novembro Azul no Brasil

No Brasil, o Novembro Azul demorou um pouco mais a ser adotado e só passou a ser conhecido graças ao Instituto Lado a Lado pela Vida e à Sociedade Brasileira de Urologia que trouxeram a campanha ao país.

Por aqui, a além de falar sobre o câncer de próstata, a campanha também tenta quebrar o preconceito dos homens de ir ao médico e, quando necessário, fazer o exame de toque.

Somente em 2014, o Instituto realizou 2.200 ações em todo o Brasil para lembrar a campanha, como a iluminação de pontos turísticos, como o Cristo Redentor e Congresso Nacional; corridas de rua e em autódromos, ativações em estádios de futebol, além de palestras e intervenções em eventos populares e em pedágios, nas estradas.

E aí, você conhecia a origem e o significado do Novembro Azul?

Agora, falando em câncer, não são só o de mama e o de próstata que merecem atenção, como você vai ver nessa matéria: Americana mostra efeitos do câncer de ovário e comove internet.

Fontes: Psicologia para Curiosos