7 vezes que Orange Is The New Black mentiu sobre a prisão

Se você é fã da série Orange Is The New Black, com certeza, você já deve ter percebido que a prisão daquelas moças é um tanto permissiva demais, não acha? Isso porque a detentas de Orange Is The New Black podem fazer festinhas, têm momentos íntimos com suas pretendentes e fazem até aulas de yoga!

Aliás, vendo um pouco da série Orange Is The New Black dá até a impressão de que a prisão pode ser divertida, como acontecia com o orfanato, na época em que todo mundo via Chiquititas, não é mesmo?

O problema, no entanto, é que Orange Is The New Black mostra uma prisão fictícia, com dramas e situações feitas para dar emoção na série e, claro, ganhar a audiência e a frequência dos viciados em séries e da plateia assídua do Netflix.

Aliás, segundo pessoas que trabalharam na cadeia, poucas situações relatadas na série Orange Is The New Black são parecidas com o cotidiano de uma prisão. A lista que você vai ver abaixo, publicada originalmente pelo site Distractify, reune depoimentos de policiais e pessoa que já foram presas contando o que nunca aconteceria em uma cadeia de verdade e já foi parar nos capítulos da série.

Veja, abaixo, algumas vezes em que a série Orange Is The New Black mentiu sobre a prisão:

1. Não existem momentos íntimos

1

Há sempre vários guardas, em toda parte, observando o que está acontecendo. Assim, todos aqueles momentos íntimos entre Piper e Alex, em Orange Is The New Black; na vida real, teriam tido bastante público.

2. Aulas de yoga existem somente nos sonhos

2

Em raríssimas ocasiões os detentos têm permissão para deixar suas celas. Eles só podem sair, sempre supervisionados, para tomar banho e fazer algum trabalho ou assistir alguma aula. Em todas essas ocasiões, no entanto, eles são vigiados de perto. Essa é mais uma das mentiras sobre prisões de Orange Is The New Black!

3. Bailes seriam tratados como motins

3

Não existem reuniões maciças de detentos, então bailes estão fora de questão e seriam tratados como rebeliões em qualquer outra prisão que não fosse na série Orange Is The New Black. Na verdade, todas as vezes que grupos de presos precisam atravessar alguma área do presídio o ficar reunidos por um tempo, devido a algum motivo muito específico, eles são sempre contados para os guardas terem certeza  de que ninguém fugiu.

4. Senhorita Rosa jamais sairia de forma tão triunfante do presídio

5

Quando um preso precisa ir a um hospital, ele é sempre algemado a dois policiais. Eles jamais, em qualquer situação, seriam deixados livres, dirigindo um carro, por exemplo, como aconteceu com Senhorita Rosa, em Orange Is The New Black.

5. A maioria das pessoas têm dentes faltando

6

Uma quantidade enorme de presos têm problemas de dentes reais e sérios, dos mais variados tipo. Então, ter dentes manchados de fumo é o menor é quase um privilégio. Isso porque, na maioria das vezes, as pessoas nem têm todos os dentes na boca, já que o tratamento dentário mais top em um prisão é a extração de dentes doentes, até mesmo no caso de cáries.

6. Uma chave-de-fenda jamais seria esquecida, simplesmente

4

Os responsáveis pela segurando nos presídios fazem checagens duas ou três vezes para garantir que todas as ferramentas estão presentes antes de serem guardadas. Uma situação como essa jamais aconteceria em uma prisão de verdade.

7. Botas como a de trabalho, de Piper, seriam consideradas verdadeiras armas

7

Resumindo, a detenta jamais poderia usar botas como essas (na foto) em um presídio de verdade. Isso porque elas têm cadarços e, acredite, eles são verdadeiras armas nas mãos de pessoas desesperadas ou violentas. Com essas pequenas cordas é possível estrangular uma pessoa! Então, de forma geral, botas até fofinhas como as de Piper só são permitidas em Orange Is The New Black.

E você, acreditava em todas essas mentiras de Orange Is The New Black?