Mãe posta fotos da filha como psoríase para desmistificar a doença

Preconceito contra pessoas e situações pouco conhecidas é algo comum, que sempre acontece. No caso da psoríase, doença de pele que atinge a pequena Charlie, de um ano e cinco meses, não é diferente.

De acordo com a mãe da pequena, Ashley Nagy, as pessoas costumam não se aproximar de menina e afastam as outras crianças dela na rua com medo do contágio, já que a pele de Charlie é coberta de lesões vermelhas e descamativas.

Psoríase não é contagiosa

O problema, conforme Ashley, é que a psoríase não é contagiosa, se trata de uma doença autoimune, em que o organismo ataca a si mesmo. Quando isso acontece, conforme a mãe, ela sempre pega a filha nos braços e a beija, na tentativa de mostrar que não há riscos de contaminação.

Ainda de acordo com a mãe, o preconceito contra a bebê não é a única situação desagradável que a família enfrenta com relação a psoríase. Pessoas de fora, que não sabem do problema de pele de Charlie, já acusaram ela e o marido de maus tratos, pensando que as lesões da pele são queimaduras de sol ou algo do tipo.

Paciente mais jovem diagnosticada

Os médicos diagnosticaram Charlie com psoríase aos quatro meses de idade, quando pequenos pontos vermelhos começaram a aparecer na pele e evoluíram para lesões mais sérias. Até agora, a filha de Ashley é considerada uma das pacientes mais jovens com o diagnóstico.

A mãe da garotinha conta que, embora seja difícil lidar com a situação, ela tenta fazer com que Charlie leve uma vida normal e não esconde as lesões com roupas longas, por exemplo.

Sobre o tratamento, Ashley conta que é preciso dar banhos na menina de duas em duas horas, com óleos essenciais para combater a irritação e manter a doença controlada. Ingerir alimentos sem glúten e sem lactose também fazem parte dos cuidados com a psoríase.

A gente espera que, no futuro, as pessoas tratem melhor a pequena Charlie! Agora, falando sobre doenças que realmente podem colocar a vida dos bebês em risco, você precisa conferir esse outro post: Por que você NUNCA deve beijar bebês recém-nascidos.

Fonte: Minha Vida, Daily Mail, Mirror