7 verdades sobre as estrias que os dermatologistas não te contam

Apesar delas serem comuns e quase todo mundo ter pelo menos uma no corpo, as estrias são motivo de dor de cabeça para muitas pessoas. Quem tem estrias costuma ter vengonha e tenta de tudo para ameniza-la.

E as dúvidas são muitas sobre essas rupturas de fibras de colágeno: É possível removê-las? Existem maneiras de evitá-las? Elas aparecem somente na gravidez? São normais em homens?

Bom, existem alguns segredos que não são revelados pelos médicos. Quase não se vê informações sobre essa ruptura que incomoda tanto quem têm. Porém, você poderá ler uma listinha agora que contém tudo que você precisa.

7 verdades sobre as estrias

1. Questão genética

Elas têm causas genéticas e hormonais. Sendo as lineares e finas mais fáceis de responder aos tratamentos e as “rendadas”, difíceis de amenizar.

2.Como evitar o surgimento

Para você que ainda não tem estrias, ou que deseja que não estoure mais em seu corpo. Basta tomar muita água e hidratar a pele, já que a hidratação e elasticidade são fundamentais para evitar o surgimento.

3. São muito comuns em homens

Apesar de ser mais frequente em mulheres, homens não estão livres das estrias.

Nos homens elas são mais normais na adolescência, cobrindo as costas e braços, em linhas horizontais. Para aqueles que malham pesado, é normal que apareça nos ombros também.

4. As estrias dá mama respondem rápido ao tratamento

Não são em todas as regiões do corpo que as estrias são difíceis de tratar, nos seios elas respondem muito mais rápido ao tratamento.

5. Podem surgir no rosto

Elas podem surgir em qualquer parte do corpo em que a pele dê uma esticada. Porém aparecem com mais frequência em lugares que armazenam mais gorduras como como abdômen, tórax, braços, nádegas e coxas.

6. Não aparecem apenas na gravidez e nem toda grávida têm estrias

Women with skin stretch, on white background.

Surtos de crescimento, ganho ou perca de peso rápidos. E sim, dependendo de fatores genéticos e de quanto a sua barriga crescce para que surja as estrias.

7. Em algumas pessoas é possível desaparecer, em outras é possível apenas reduzir ou melhorar o aspecto.

Ao passar do tempo ela tende a atenuar e algumas até desaparecem. Esse processo pode levar mais de um ano. O tratamento a laser pode não elimina-las, porém reduz sua aparência. Eles variam de acordo com a pele.

Existem também cirurgias plásticas para reduzi-las. Cremes e géis não costumam ter nenhuma eficácia na remoção das rupturas.

Melhore sua pele com mais essa dica: Como usar óleo de argan para minimizar estrias.

Fonte: Fatos Desconhecidos