Amor

5 “coisas sujas” que são ótimas para a saúde

Se você é tímido, melhor ficar longe dessa matéria! Isso porque vamos listar 5 coisas sujas que são ótimas para a saúde, segundo a Ciência;

O que você considerada coisas sujas ou depravadas? Já pensou sobre o assunto? Se, no caso, você tem uma lista parecida, qual seriam as chances de você colocar em prática, pelo menos, algumas dessas coisas sujas que você rotulou?

O assunto começou estranho, a gente sabe, mas o caso é que a Ciência descobriu que muitas das práticas íntimas que as pessoas não fazem por excesso de pudor e que são rotuladas coisas sujas, deveriam sim ser feitas frequentemente. Isso porque muitas delas, se não todas, fazem MUITO bem para a saúde física e, principalmente, psicológica. Dá para acreditar?

Então, se você chegou até esse ponto da matéria, precisamos avisar: a menos que você tenha uma cabeça aberta e consiga conversar sobre essas coisas sem ficar com o rosto vermelho, esse post não é para você. Isso porque, muitas coisas sujas que a Ciência avalia como boas podem deixar muita gente chocada!

Agora, se você não está se aguentando de curiosidade, nosso conselho é: vá em frente! Afinal, ler sobre coisas sujas não torna você uma pessoa suja… ou torna? Bom, chega de conversa!

Confira, abaixo, 5 coisas sujas que são ótimas para a saúde:

1. SDSM

1

A sigla que você viu aí em cima quer tem tudo a ver com o filme 50 Tons de Cinza, e se você não sabe o que é, leia essa outra matéria aqui. Ela parece uma coisa suja, e é mesmo, mas é um comportamento que, segundo a Ciência, faz muito bem para a saúde.

Estudos apontam que pessoas que curtem SDSM e que colocam esse comportamento em prática, têm uma saúde psicológica muito melhor, são mais extrovertidas e abertas a novas experiências, sem contar o fato de serem mais seguras no relacionamento.

2. Poliamor

2

Para os ciumentos, essa é a maior das coisas sujas que poderia existir por aí. Mas, conforme estudos científicos, compartilhar o amor com mais de uma pessoa ajuda a solidificar o relacionamento. Isso porque, com mais gente no esquema, é preciso conversar mais, fortalecendo o diálogo.

Honestidade, transparência e comunicação, aliás, são os pilares para as relações afetivas darem certo e é tudo isso que se tem em relações poliamorosas. Outro ponto forte é que as pessoas aprendem a dividir e controlar os ciúmes.

3. Relações casuais

3

Sim, tem gente que vai achar um absurdo, mas não somos nós que estamos afirmando nada! Segundo cientistas, pessoas que fazem isso sem muito apego, pelo menos de vez em quando, têm autoestima mais alta que as demais, que levam as coisas muito a sério; sem contar que são mais seguras de si.

Ser casual só não é bom quando você faz isso devido a sua própria falta de autoestima ou para compensar outras áreas ou sentimentos conturbados de sua vida.

4. Coisas sujas nos dias sangrentos

4

Com certeza, essa vai ser uma das coisas sujas mais depravadas que muitas mulheres já terão lido na vida! Isso porque grande parte das integrantes do mundo feminino, simplesmente, não fazem as coisas boas da vida durante a menstruação. Mas… a doida Ciência garante que isso é um tabu que precisa ser quebrado!

Isso porque os dias sangrentos ajudam bastante a aliviar os sintomas do ciclo menstrual que incomodam, como as cólicas. Os cientistas afirmam que isso funciona como uma terapia no útero, já que as contrações naturais do ato agem como uma espécie de massagem interna.

5. Se tocar

5

Sim, é uma das coisas mais sujas do mundo, mas a ciência recomenda que você e todo mundo faça diariamente. Por quê? Bom, isso você confere nessa outra matéria, clicando aqui.

Fonte: Cracked, Hypeness

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários

Escolhidas para você