Beleza

4 técnicas para extração correta de cravos em casa: cuidados e riscos

Saiba porque você jamais deveria fazer a extração de cravo em casa e conheça técnicas para removê-los sem espremer a pele.

A princípio, você tira seus cravos e espinhas de qualquer jeito, em qualquer ambiente, sem grandes preocupações? Se sim, você precisa parar com essa mania imediatamente! Porquê fazer a extração de cravo de qualquer jeito pode trazer inúmeros prejuízos à sua pele.

Mas, antes de mais nada, você sabe o que é aquele seu cravo no nariz, por exemplo? Basicamente, o cravo que aparece na pele se trata de uma lesão sebácea.

Esse tipo de lesão, inclusive, aparece com maior frequência na zona T do rosto, que é a parte do nariz, queixo e testa. Especialmente, em peles com tendência à oleosidade. E, certamente, em casos de obstrução superficial dos poros, acumulando a secreção sebácea no interior da pele.

Cidade portal

Contudo, mesmo se eles te incomodarem muito, não é recomendável que você faça a extração de cravos sem os devidos cuidados.

Continua após a publicidade

Isso porque, devido ao acúmulo de sebo, bactérias se acumulam na região. Consequentemente, quando se faz uma extração de cravo de forma irregular, as chances de ocorrer um processo inflamatório são bem maiores.

Aliás, é exatamente devido à ação inflamatória das bactérias, juntamente com o acúmulo de gordura, que alguns cravos podem não cheirar muito bem.

Continua após a publicidade

Limpeza de pele profunda

Extração de cravo- 3 técnicas de fazer em casa + vídeo de remoção
Fonte: Márcia Oliveira 

A priori, a limpeza de pele profunda é um dos procedimentos mais indicados para se fazer a extração de cravo. Sobretudo, o tratamento procura dilatar os poros com calor, o que facilita bastante que as impurezas seja eliminadas. Aliás, esse tipo de tratamento é indicado para qualquer qualquer tipo de pele.

Basicamente, para se fazer a dilatação, os dermatologistas aplicam alguns tipos de produtos específicos. Eles, certamente, favorecem a abertura dos poros e o amolecimento da secreção sebácea. Inclusive, esse procedimento não é indicado somente pela extração de cravo, mas também para evitar a proliferação de bactérias no rosto.

Continua após a publicidade

Portanto, esse tratamento também pode ajudar a prevenir a formação de cravos, a diminuir as chances de inflamação e a eliminar as impurezas acumuladas no seu rosto. Inclusive, as impurezas de maquiagem, de poluição e sujeira do dia a dia. Ou seja, ele elimina todas as toxinas, impurezas e os radicais livres.

Extração de cravo- 3 técnicas de fazer em casa + vídeo de remoção

Fonte: Clisa Deh

Aliás, para quem ainda não sabe, radicais livres são os responsáveis por causar o envelhecimento da sua pele. Eles também podem causar a obstrução dos poros e o desenvolvimento de acnes e cravos.

Continua após a publicidade

Mas, voltando aos benefícios da limpeza de pele, vale destacar ainda que ela também melhora a circulação. Apesar disso, não é um tratamento indicado para se fazer em casa.

Isso porque precisa de um ambiente especializado e de um profissional capacitado. Até porque, se não for feito de modo correto, o procedimento pode causar danos para a pele, como, por exemplo, infecção, cicatrizes e manchas.

Como é feito a limpeza profunda?

Extração de cravo- 3 técnicas de fazer em casa + vídeo de remoção
Fonte: Spaço Santé Vie 
  1. Primeiramente, os dermatologistas usam um produto de limpeza desengordurante, o qual ajuda a remover a oleosidade e limpar a pele;
  2. Logo depois, o profissional faz uma esfoliação para retirar as células mortas;
  3. Em seguida eles utilizam um emoliente, o qual ajuda abrir os poros para facilitar a remoção dos cravos;
  4. Após esses processos, chegou a hora de extrair os cravos. Basicamente, esse processo pode ser feito manualmente com um algodão ou uma gaze de forma bem delicada e com uma solução antisséptica.
  5. Porém, é importante destacar que em alguns casos os médicos usam uma espécie de sugador, ou então uma pequena agulha para remover algumas lesões;
  6. Depois da extração, eles costumam usar um aparelho de alta frequência para cicatrizar a pele;
  7. Vale destacar que a limpeza é finalizada com uma máscara. Inclusive, dependendo do seu tipo de pele, ela pode ter um efeito calmante, cicatrizante, clareador ou anti-oleosidade;
  8. Inclusive, antes da pessoa ir embora, os dermatologistas normalmente passam protetor solar, ou um hidratante na pele do paciente, para proteger contra os raios solares. Vale ressaltar, que esses cuidados com o rosto deverão continuar sendo realizados.

Quantas vezes precisamos fazer esse tratamento?

Extração de cravo- 3 técnicas de fazer em casa + vídeo de remoção
Fonte: Derma Club

Sobretudo, a necessidade desse tipo de tratamento se modifica de pele para pele. Ou seja, para pessoas que têm mais cravos, a indicação é que se faça todo mês. Até porque esse cuidado evita que os cravos se transformem em espinhas.

Já, em outros tipos de pele, não tão oleosas e com poucos cravos; a necessidade é menor. O mais indicado, aliás, é que se faça esse tratamento com espaço de 45 ou 60 dias, pelo menos. Mas, se por agora você preferir remover seus cravos em casa, nós separamos algumas dicas para que você faça isso com todos os cuidados necessários! Confira:

Continua após a publicidade

4 técnicas seguras para fazer a extração de cravo em casa

1) Esfoliação da pele

Extração de cravo- 3 técnicas de fazer em casa + vídeo de remoção
Fonte: Vepakum Farma

Sobretudo, é indicado que faça a esfoliação da pele de duas a três vezes por semana. Além do mais, alguns especialistas indicam que se faça com produtos que contém grânulos mais finos.

Outra dica é fazer a esfoliação durante o banho. Porque, nesse momento, os poros estão mais dilatados devido ao calor da água. Assim, tornando a remoção menos “traumática”.

De modo geral, a esfoliação da pele tem como finalidade remover os cravos superficiais. Além do mais, ela pode deixar a pele bem fininha, consequentemente, isso pode dificultar a formação de novas lesões na pele.

2) Uso de produtos com ácido salicílico, ácido retinóico e ácido glicólico

Extração de cravo- 3 técnicas de fazer em casa + vídeo de remoção
Fonte: Depyl Action

Basicamente, esses ácidos são indicados porque contém uma ação queratolítica. Além do mais, eles são responsáveis por deixar a pele mais fina, o que pode evitar a formação de novas lesões de cravos. E também podem facilitar na remoção daqueles cravos mais superficiais.

Continua após a publicidade

Sobretudo, vale destacar que os produtos que podem ser usados na sua rotina de cuidados são os dermocosméticos. Ou seja, sabonete ou gel de limpeza e cremes noturnos, sempre adequados para o seu tipo de pele. Isso, com certeza, vai manter a saúde a beleza da sua cutis.

3) Fazer a vaporização da pele

Extração de cravo- 3 técnicas de fazer em casa + vídeo de remoção
Fonte: A vô vó

Sobretudo, a vaporização, como você já deve imaginar, ajuda na remoção de cravos. Inclusive, é importante que você saiba que ela é feita com esfoliantes. E, certamente, pode ser feita durante o banho, com o calor do chuveiro.

Ou então, você pode fazer usando uma bacia de água quente. Basicamente, você precisará aproximar o seu rosto e deixá-lo em contato com o vapor da água quente durante alguns minutos. Como resultado disso, os poros vão se dilatar e, depois, é só fazer a esfoliação, cuidadosamente.

4) Extração de cravos com cleansing oil

Coisas de Diva

Recentemente, uma técnica indolor e muito fácil que tem feito sucesso entre as mulheres para extração de cravos é fazer a remoção com cleansing oil, ou simplesmente óleo de limpeza.

Continua após a publicidade

A grande novidade é que esse removedor de maquiagem e impurezas é super potente, e pode ser usado por todos os tipos de pele, mesmo sendo feito à base de óleo.

O óleo do produto se mistura com o da pele fazendo a extração mais suavemente e se ressecar a pele. Legal, né?

Tem risco extrair esse tipo de cravo?

Extração de cravo- 3 técnicas de fazer em casa + vídeo de remoção
Fonte: Vix

Com certeza, você deve ter imaginado algum tipo de perigo na retirada desse cravo. Porém, mesmo sendo bastante asqueroso, ele não traz nenhum tipo de risco para a saúde. Portanto, o problema é somente estético.

Porém, a extração de cravo de forma incorreta e em casa pode trazer prejuízos à saúde. Por isso, procure por especialistas. Pois, normalmente, esses procedimentos são feitos em ambientes mais higienizados, com equipamentos esterilizados, por pessoas que conhecem os cuidados necessários após retirar um cravo como esse.

Continua após a publicidade

Até porque, por deixar um buraquinho na pele, pode ocorrer infecções, cicatrizes ou então surgir novamente um cravo. Aliás, em casos mais graves, pode ocorrer trombose venosa e meningite. Portanto, não faça a extração de cravo sem luvas higienizadas, sem aparelhos específicos, métodos eficazes e sem as substâncias corretas.

Enfim, agora está ciente como se deve fazer uma extração de cravo?

Se sim, está na hora então de você conferir mais uma matéria do Área de Mulher: Peeling – O que é, tipos de peeling, cuidados e o antes e depois da pele

Fontes: Derma club, Derma club, Vix

Continua após a publicidade

Imagem de destaque: Go outside

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários

Escolhidas para você