Beleza

É por isso que você deveria incluir pitaya em sua dieta agora mesmo

Você já experimentou uma pitaya na vida? Essa fruta é estranha, pouco conhecida, mas deveria estar em sua dieta. Descubra por que:

Atualizado em 10/10/2018

Você já viu uma pitaya de perto? Embora muita gente jamais tenha experimentado ou mesmo visto de perto essa fruta tão bonita, a verdade é que a pitaya deveria fazer parte da dieta de todo mundo, especialmente se sua intenção é perder peso.

Conforme especialistas, essa fruta tem baixo teor calórico, ajuda o organismo a queimar açúcar e gordura, transformando tudo em energia. A pitaya também é rica em fibras e, por isso, garante uma maior saciedade, além de ajudar a regular o intestino, devido a ação laxante de suas pequenas sementes. Dá para acreditar em tantos benefícios?

Mas, se você já está convencida de que comer pitaya é uma boa ideia, fique sabendo que a lista de benesses dessa frutinha estranha não para por aí. Sua polpa levemente adocicada ajuda a matar a vontade de doce, embora também fique ótima como acompanhamento (ou no preparo) de pratos salgados, como peixes e frutos do mar.

Propriedades medicinais

A pitaya também ajuda a melhorar a gastrite, previne contra o câncer de cólon e até mesmo contra o desenvolvimento de diabetes. Ela também atua maravilhosamente bem na neutralização de substâncias tóxicas, como metais pesados; e colabora na redução dos níveis de colesterol e no controle da pressão alta.

Doentes renais também podem se beneficiar bastante da pitaya, especialmente quanto as flores e os talos, que podem se tornar chá. Suas sementes também contém grandes quantidades de ácidos graxos essenciais que não só ajudam a regular a digestão, mas também são aliados dos sistemas nervoso e cardiovascular.

Como consumir a pitaya?

Agora, se você está se perguntando qual a melhor forma de consumir a pitaya, a resposta é simples: da forma que você preferir. Além de ser maravilhosa in natura, e oferecer o máximo de seus nutrientes dessa forma; ela também é um ótimo ingrediente para saladas de frutas, sucos, cremes, sobremesas e até mesmo pratos principais.

Mas, claro, não dá para exagerar. Como toda fruta, a pitaya tem frutose e, se ingerida em grandes quantidades, pode até mesmo atrapalhar sua perda de peso. A quantidade recomendada para sua dieta deve ser ajustada por um nutricionista.

Gostou da dica? Você gosta de pitaya?

Agora, falando sobre naquele “empurrãozinho” tão bem-vindo na dieta, é melhor tomar um pouco de cuidado, mesmo que ele seja natural. Entenda por que nessa outra matéria: Chá de hibisco compromete a fertilidade.

Fonte: Vix

Por <a href='https://areademulher.r7.com/author/thamyris/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Thamyris Fernandes</a>
Por Thamyris Fernandes
Jornalista pela PUC Goiás. Já flertou com assessoria de imprensa, passou um tempo em jornais impressos e encontrou na internet seu habitat natural. Basicamente, uma taurina curiosa. Gosta de vinho, café, livros, um bom papo e aconchego. Ama o que faz e faz o que ama por aqui. Instagram: @thamyriscf