Curiosidades

Equinócio de Primavera – O que é, quando acontece, rituais e símbolos

Equinócio de primavera é o evento astronômico que dá início à estação da Primavera, mas também carrega uma série de simbolismos e rituais ancestrais.

Atualizado em 09/10/2019

Certamente a primavera é uma das estações mais amadas do ano. Consequentemente, para celebrar a sua chegada existe o Equinócio de Primavera. Ela era chamada de Rito de Ostara pelos Celtas, sendo considerada um ritual de fertilidade que celebra o redespertar da vida na Terra.

Primeiramente, este momento é comemorado entre os dias 20 e 24 de setembro, quando esta estação do ano começa no hemisfério sul. Em 2019, a estação teve inicio às 4h50min do dia 23 de setembro. Além disso, este momento é considerado de perfeito equilíbrio, no qual as sementes devem ser plantadas para que a vida possa florescer com intensidade.

O que é o equinócio de Primavera?

Equinócio de Primavera - época de alegria e renovação
El País

Inicialmente, precisamos entender o real significado da palavra Equinócio. Ela vem do latim aequus (igual) e nox (noite), e significa “noites iguais”. Isso por que o dia e a noite tem a mesma duração nesta época: 12 horas. Consequentemente, existe um equilíbrio perfeito entre o dia e a noite, o sol e a lua, o masculino e o feminino, o yin e o yang e todas as forças opostas.

Além disso, o equinócio é definido como o instante em que o Sol, em sua órbita, como vista da Terra, cruza o equador celeste. O Equinócio de Primavera, também conhecido como Ponto Vernal, consiste no momento em que o Sol atravessa o Equador de sul para norte.

Equinócio de Primavera - época de alegria e renovação
Personare

É a partir do Equinócio de Primavera, os dias começam a ficar mais longos e a temperatura do ar e dos oceanos cada vez mais quente. Simbolicamente é o momento perfeito para deixar as dificuldades para trás, junto com o inverno. É o momento para semear a alegria e a harmonia com a chegada da primavera. É um momento de equilíbrio, cura, esperança e renovação.

Na roda da vida celta, existem 8 rituais sagrados de luz durante o ano. Eles são:

  • Samhain (noite das bruxas)
  • Litha (solstício de verão)
  • Imbolc (noite do fogo)
  • Mabon (equinócio de outono)
  • Beltane (ritual do amor)
  • Yule (solstício de inverno)
  • Lammas (ritual da colheita e prosperidade)
  • Ostara (equinócio de primavera)

Ritual

Equinócio de Primavera - época de alegria e renovação
Notícias ao Minuto

Primeiramente, o ritual do Equinócio de Verão invoca e reverencia a Deusa Ostara, a “Deusa da Aurora”, também conhecida como Eostre, Ostera e Jair. Ela simboliza a fertilidade na mitologia anglo-saxã, nórdica, celta e germânica. ela também é a Deusa da ressurreição, da fertilidade, do renascimento e da primavera. Ela está intimamente ligada à liberdade e ao fluxo de energia.

Além disso, os símbolos mais conhecidos dessa divindade são a lebre e os ovos. Nesta época do ano também é reverenciada a Deusa das Plantas e o Senhor das Matas.

Equinócio de Primavera - época de alegria e renovação
ZAP

O Rito de Ostara simboliza o equilíbrio entre a energia do Deus (Sol) e da Deusa (Lua). É o momento perfeito de igualdade entre essas duas simbologias, sendo o equilíbrio entre as forças da natureza. Isso indica que é o momento ideal para fortalecer a energia de complementariedade entre os opostos.

No Rito, o Deus é representado em seu período de na puberdade, cheio de energia e bastante disposto. Esta energia é traduzida no crescer das plantas e na atividade dos animais. Em contraste, a Deusa é representada em sua fase donzela, também cheia de energia e de vida. Ela simboliza a fertilidade do solo.

Símbolos

Equinócio de Primavera - época de alegria e renovação
Youtube

Primeiramente, este dia sagrado foi comemorado por muitas gerações. Sacerdotes e druidas colhiam orvalho e acendiam fogueiras ao nascer do sol. Tais fogueiras eram acesas no alto das montanhas, pois acreditava-se que dessa forma seriam mais facilmente abençoadas pelo sol e que a luz criada por elas tornariam a terra fértil.

Além disso, os símbolos mais clássicos são as flores, o leite, a lebre e os ovos coloridos. Estes últimos são símbolos da fertilidade e da reprodução. Os ovos eram pintados com vários desenhos, cores e símbolos mágicos, para depois serem colocados no altar de celebração. No final, eram lançados ao fogo ou enterrados como oferendas à Deusa em árvores ou vasos.

Equinócio de Primavera - época de alegria e renovação
Cabelos unhas

Em contraste, o leite representa a nutrição da Deusa, o alimento necessário para o desenvolvimento da vida. A lebre ou coelho é o animal sagrado que simboliza a fertilidade da Deusa e da natureza, pois levam um período de 28 dias para gestarem e darem à luz. Na cultura celta, 28 é um numero mágico, porque esta é a duração do ciclo de uma lunação.

Por fim, as flores representam o ressurgimento da vida e a beleza da natureza. No Equinócio de Primavera é indicado colher flores e enfeitar os espaços sagrados e altares com elas. Além disso, também é costume fazer oferendas de pão e bolo para a deusa, colocando-os no altar e depois na natureza e fazer oferendas para os elementais, agradecendo pela beleza da primavera.

Ritual de Ostara

Equinócio de Primavera - época de alegria e renovação
iQuilibrio

Anualmente, o Ritual de Ostara trabalha energias específicas atuantes em cada ano. Dentro da energia que está sendo emanada em determinado período, alguns costumes e feitios mágicos são mais enfatizados para acessar e integrar a energia desse ritual. Apesar disso, o ritual de luz traz sempre o trabalho com a consciência da fertilidade, alegria, esperança, renovação, harmonia e equilíbrio.

Além disso, o Rito de Ostara precisa ser guiado por um sacerdote ou sacerdotisa iniciado de alto grau. O sacerdote é um líder espiritual que tem a devida formação e conhecimentos para realizar a ritualística de forma correta. Além disso, é necessário um líder devidamente qualificado para saber interpretar e direcionar o que deve ser trabalhado em cada ano nesse ritual.

Sendo feito de forma correta e integrada, esse ritual mágico traz um grande benefício para o indivíduo, promovendo uma profunda renovação, consagração, cura e harmonização. É um momento de contato profundo com a Terra, com os seres da natureza e com o poder de fertilizar e criar vida em todos os aspectos e sentidos.

Você gostou dessa matéria? Então você vai gostar dessa: Primavera – O que é, início e fim, características da Primavera no Brasil

Fonte: Personare

Imagem de destaque: M de Mulher