Maternidade

Teste da linguinha: o que é e porque é importante para os recém-nascidos

O teste da linguinha é um exame obrigatório no Brasil, e tem como finalidade diagnosticar anomalias na língua ou freio do bebê.

O teste da linguinha é um exame feito em bebês recém-nascidos. Sendo assim, o exame tem o intuito de diagnosticar e se for o caso indicar o tratamento precoce para dificuldades e limitações dos movimentos da língua.

Quando o freio do bebê vem preso ou com alguma alteração (frênulo lingual anormalmente curto ou espesso), isso pode prejudicar o seu desenvolvimento, especialmente a sua amamentação. Isso porque essa condição pode afetar e restringir os movimentos da língua. Aliás, nos casos de língua presa, nome popular para a anquiloglossia, o bebê encontra dificuldades em mamar, sugar, engolir, mastigar e até mesmo falar.

Devido a sua importância, o teste da linguinha é um exame obrigatório em todos os hospitais e maternidades do país, determinado pela lei federal n° 13.002. O teste é reconhecido pela Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia e também a Associação Brasileira de Motricidade Orofacial.

O teste da linguinha

A realização do teste da linguinha deve ser feita nos primeiros dias de vida do bebê, preferencialmente ainda na maternidade.

Continua após a publicidade

Se trata de um exame muito simples, que não causa dor nem incomodo ao bebê. Realizado por um fonoaudiólogo, o teste consiste em levantar a língua do bebê para analisar o freio da língua  e como ele movimenta a língua. Essa observação geralmente é feita quando o bebê chora ou ainda durante a amamentação. Até porque, essas alterações podem dificultar a pega do bebê no peito da mãe.

Desse modo, após a observação da língua e formato do frênulo, o médico determina um protocolo. Sendo assim, nesse protocolo, ele aponta as características observadas e se o bebê tem ou não alguma alteração.

Continua após a publicidade

Aliás, aproveite para conferir 21 sinais no recém-nascido que podem indicar problemas sérios.

Tratamento

Então, quando observado durante o teste da linguinha alguma alteração, o fonoaudiólogo, juntamente com o pediatra, indicarão o tratamento adequado. Isso de acordo com a alteração identificada. Dependendo do caso, pode ser necessário a realização de um pequeno procedimento para soltar o freio do bebê.

Continua após a publicidade

Portanto, é extremamente importante obter esse diagnóstico o mais cedo possível para começar o tratamento. Assim, é possível evitar as consequências negativas no desenvolvimento oral da criança. Enfim, quanto mais cedo o problema é corrigido melhor.

Avaliação da mamada

Além do teste da linguinha que é obrigatório, é recomendado ainda fazer uma avaliação da mamada. Isso porque qualquer anomalia na língua, pode levar o bebê a ter dificuldades para pegar o peito. Desse casos, é comum causar fissuras mamárias e até mesmo dificuldade de ganho de peso. Ambos diretamente ligados ao desmame antecipado.

Sendo assim, é importante que quando o bebê estiver mamando observar a força a sucção.

Enfim, agora que você já entendeu o que é e a importância do teste da linguinha, confira também para que serve o teste do pezinho.

Continua após a publicidade

Fontes: Teste Ministério da Saúde Tua Saúde

Bibliografia

  • BIBLIOTECA VIRTUAL EM SAÚDE. Qual o objetivo, quando e como realizar o teste da linguinha?. Disponível em: <https://aps.bvs.br/aps/qual-o-objetivo-quando-e-como-realizar-o-teste-da-linguinha/>. Acesso em 18 dez 2019
  • MARTINELLI, Roberta L.C. et al. Protocolo de avaliação do frênulo lingual para bebês: relação entre aspectos anatômicos e funcionais. Rev. CEFAC. Vol.15, n.3. 599-610, 2013
  • SOCIEDADE BRASILEIRA DE FONOAUDIOLOGIA. Teste da linguinha. 2014. Disponível em: <https://www.sbfa.org.br/fono2014/pdf/testelinguinha_2014_livro.pdf>. Acesso em 18 dez 2019

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários

Escolhidas para você