Beleza

Doenças que você pode pegar por compartilhar maquiagem

De conjuntivite a infecções bacterianas com consequências dramáticas! Conheça as doenças que você pode pegar por compartilhar maquiagem

Quem nunca se juntou com uma amiga ou com um grupo delas para se maquiar, antes de ir a uma festa ou a um outro evento? Embora a prática seja comuns entre as mulheres, a verdade é que compartilhar maquiagem não é uma boa ideia e pode causar sérias consequências.

O problema, como você deve imaginar, não tem nada a ver com egoísmo ou ciúmes de coisas materiais. Na verdade, compartilhar maquiagem quebra inúmeras regras básicas de higiene pessoal e pode afetar, diretamente, o sistema imunológico das pessoas.

De gripes e resfriados, até problemas mais sérios, causados por vírus e bactérias. Essas apenas algumas das complicações que podem surgir quando você usa a maquiagem de alguém sem tomar os mínimos cuidados de esterilização antes. Isso também vale para os provadores de maquiagem nas lojas, hein!?

É por isso que manter os pincéis limpos, a esponjinha lavada e ter outros cuidados de higiene com sua maquiagem se trata de um passo tão importante. Além disso, restringir o compartilhamento de alguns produtos, como batons e máscaras de cílios também se tratam de grandes passos a favor de sua saúde, como você confere abaixo.

Conheça as doenças que você pode pegar por compartilhar maquiagem:

1. Conjuntivite

Transmitida por meio de pincéis, delineadores, máscaras de cílios e outros instrumentos da maquiagem, a conjuntivite é causada por bactérias ou vírus que ficam acumulados nesse produtos.

Se pegou emprestado algum item de maquiagem ou se emprestou a alguém, não se esqueça de higienizá-lo antes de usar novamente. No caso dos lápis de olhos, você deve apontá-lo novamente para remover a camada superficial.

2. Terçol

Chamada pelos médicos de blefarite, o terçol se trata de uma inflamação na base dos cílios que pode também ser transmitida de uma pessoa a outra, especialmente se você compartilhar maquiagem com alguém infectado.

3. Herpes

Um dos grandes riscos de se compartilhar maquiagem ou de usar os produtos de provadores de lojas é a possibilidade de pegar herpes, especialmente no caso dos batons. A doenças, aliás, é fácil de ser transmitida porque se mantém incubada durante um tempo e só aparece em episódios de crises.

Portanto, se for emprestar o batom para alguém ou se quiser testar a cor do batom na hora de comprar, remova a camada mais superficial do produto com a ajuda de um lenço, guardanapo ou até mesmo de papel higiênico.

4. Amigdalite

A inflamação das amígdalas, embora muita gente não saiba, é contagiosa e pode ser transmitida de várias formas, inclusive por compartilhar maquiagem. A doença causa febre alta, dificuldade em engolir e outros desconfortos durante a fase aguda.

5. Resfriados e gripes

Se sua amiga estiver gripada e você usar a maquiagem dela, pode saber que você também ficará. No caso, o produto acaba acumulando o vírus e o transportando para seu corpo, quando você o utiliza sem a devida higienização.

6. Mononucleose

Essa doença é bastante conhecida como doença do beijo, mas essa não é a única forma de contrai-la. Como você já percebeu, compartilhar maquiagem está na lista de fatores de risco da mononucleose, que é causada pelo vírus Epstein-Barr.

Ele afeta as células, especialmente da região do nariz e da garganta. Dentre os sintoma da doença, estão tosse, febre alta e dificuldades para engolir.

7. Verrugas

Compartilhar maquiagem também pode ser uma porta de entrada para as verrugas que, pasmem, também são transmissíveis. Isso porque alguns produtos ficam em contato direto com a pele e com as mucosas. Logo, se a pessoa estiver infectada com este problema (ou qualquer outro), o produto poderá servir de ponte de contaminação para os demais que o utilizarem.

8. Foliculite

Foliculite é causada por uma infecção viral, bacteriana ou fúngica dos folículos capilares. Geralmente, a causa mais comum de foliculite é a bactéria Staphylococcus aureus (estafilococo).

De forma mais simplificada, a foliculite causa espinhas no bumbum e nas pernas; e a celulite bacteriana, doença capaz de infeccionar a derme, camada mais superficial da pele. Em casos mais graves, é possível contrair artrite, encefalite e até mesmo morte por causa da doença.

9. Micoses

Especialmente os produtos e instrumentos relacionados à pele podem ser uma via de transmissão de micoses. Pincéis de maquiagem e espojinhas são ótimos exemplos de acumuladores e transmissores dos micro-organismos responsáveis por causar esse tipo de doença.

Conforme especialistas, esse produtos carregam restos de tecido orgânico e queratina, combinação perfeita para a cultura de fungos causadores de inúmeras doenças, como a dermatite e de outras enfermidades mais sérias. Nessa outra matéria, por exemplo, você conheceu a história de uma australiana que ficou tetraplégica por contaminação bacteriana por causa de um pincel da amiga.

E, você, quantas vezes já emprestou ou pegou maquiagem emprestada? Já ficou doente por causa disso? Não deixe de nos contar nos comentários!

Agora, falando em coisas que denunciam falta de higiene, você precisa conferir ainda: 8 coisas nojentas que você faz em nome da beleza.

Fontes: Papo Sincero, Site de Beleza e Moda

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários

Escolhidas para você