Biografias

Andrea Bocelli, quem é? Biografia, história de superação e carreira

Andrea Bocelli é tenor, compositor e produtor musical italiano, e um dos artistas mais aclamados da atualidade. Conheça um pouco mais sobre a sua vida e carreira de sucesso.

Música clássica e ópera podem até não ser os seus gêneros musicais favoritos, mas você, com certeza, o conhece. Andrea Bocelli é um artista completo, tenor, compositor e produtor musical. O italiano é conhecido mundialmente, principalmente pela sua capacidade vocal marcante. Ganhador de cinco BRIT Awards e três Grammys, Andrea Bocelli dispensa mais apresentações.

Contudo, o que não falta em sua história são sucessos, tanto na vida profissional, quanto na pessoal. Mas, ele também já enfrentou episódios difíceis em sua trajetória, como a perda da visão.

Desde pequeno, Andrea já aparentava ter sérios problemas para enxergar. Sendo assim, após alguns exames, o garoto foi diagnosticado com glaucoma. Com isso, sabia-se do risco de cegueira que ele enfrentava. Aos 12 anos de idade, ele acabou sendo golpeado por uma bola de futebol na cabeça, e ficou cego.

Foi nessa época que começou a sua história de superação. Mesmo assim, a cegueira nunca foi um empecilho para a sua carreira musical. Sua imensa discografia, composta por nove óperas completas e vários álbuns clássicos de sucesso são a prova disso.

Por isso, hoje vamos conhecer um pouco mais da vida desse artista brilhante.

Biografia de Andrea Bocelli

Andrea Bocelli nasceu no dia 22 de setembro de 1958, na cidade de Lajatico, na Itália. Ele cresceu em uma fazenda da família. Inclusive, o artista guarda várias memorias da infância nessa fazenda, as quais ele ainda descreve com riquezas de detalhes.

Sendo assim, como já adiantamos, quando tinha 12 anos de idade, Andrea acabou perdendo completamente a visão durante um jogo de futebol. No entanto, isso nunca foi um empecilho para o menino que tinha sonhos grandes.

Fonte: Deficiente Ciente

História de Superação

A paixão pela música foi herdada da mãe, Edi. Desde muito pequeno, Andrea já apreciava música, coisa que, segundo ele, o consolou após a perda completa da visão.

Com seis anos de idade, Andrea começou a estudar música, começando com  piano, flauta e saxofone. Apreciador de vários instrumentos, o menino também estudou trompete, harpa, violão e bateria.

Por muito tempo, a música foi a sua única prioridade, até ele terminar os estudos. Nessa época, ele ingressou na Universidade de Pisa para estudar Direito.

Sendo assim, no final da década de 1970, recém-formado, Andrea Bocelli chegou a trabalhar como defensor público. Isso, até conhecer o seu futuro professor de canto, o tenor Franco Carelli, que iria ajudá-lo na carreira musical.

Fonte: Pinterest

Contudo, para pagar o curso de música, Andrea teve que se apresentar em bares e clubes noturnos, catando ao piano. Inclusive, foi em uma dessas apresentações que ele conheceu Enrica Cenzatti, que viria a ser sua esposa.

Os dois se casaram em 1992 e tiveram dois filhos: Amos Bocelli e Matteo Bocelli. No entanto, o casal se separou em 2002, depois de 10 anos casados.

Início da Carreira

Até então, Bocelli se apresentava apenas em casas noturnas. Sua carreira veio a decolar mesmo em 1992, quando o cantor italiano Zucchero Fornaciari começou uma série de audições para encontrar um tenor para dividir os vocais em uma canção. Mas, o artista queria mesmo era chamar a atenção de Luciano Pavarotti.

Entretanto, quando o próprio Pavarotti escutou a gravação de Bocelli, ele implorou para Zucchero escolher o aspirante a tenor para o trabalho. No final, a música foi gravada com Pavarotti, mas foi Andrea Bocelli que acompanhou Fornaciari em sua turnê pela Europa. E foi assim que o mundo conheceu a voz marcante de Andrea Bocelli.

Nessa turnê, afinal, Bocelli cantou em dueto com o artista principal e ainda se apresentou sozinho em todos os shows. Depois disso, na festa de aniversário de Fornaciari, Bocelli recebeu uma proposta irrecusável de Caterina Caselli, presidente da gravadora Sugar Records, na época.

Mas, antes mesmo do mundo inteiro conhecer o seu primeiro álbum de estúdio, Bocelli já havia provado a dimensão do seu talento ao vencer o Festival de San Remo, em 1994. Na ocasião, ele levou o prêmio com a canção “Il Mare Calmo Della Sera”, essa que viria a se tornar o seu primeiro disco de ouro da carreira.

A conquista do Mundo

Dois anos depois, em 1996, o tenor foi convidado por Sarah Brightman para fazer um dueto na cerimônia de abertura da última luta do pugilista alemão Henry Maske. No evento, a dupla cantou a versão em inglês de “Con Te Partiró”. A apresentação nesse evento de alcance internacional, portanto, rendeu ao cantor ainda mais visibilidade.

Assim, Andrea Bocelli começava a ganhar o mundo. Essa canção, acompanhada da Orquestra Sinfônica de Londres, chegou ao primeiro lugar da parada alemã. Ela também garantiu a ele a venda de mais de 6 milhões de cópias, além de seis discos de platina.

Naquele mesmo ano, o tenor lançou mais dois álbuns de sucesso.

Contudo, a entrada no mercado americano só veio mesmo depois de um concerto no John F. Kennedy Center for the Performing Arts, em Washington D.C. Além de uma apresentação marcante em uma recepção na Casa Branca.

Sendo assim, Andrea Bocelli começou a ganhar ainda mais reconhecimento e, assim, vieram os duetos de sucesso. Aliás, ele fez duetos com Céline Dion, Eros Ramazzotti, Dulce Pontes, Luciano Pavarotti, Nuccia Focile, entre vários outros artistas de renome.

Até mesmo a brasileira Sandy Lima fez parceria com Bocelli, em 1996, no single “Vivo por ella”.

Em 2002, o cantor repetiu sua turnê pela América. Nessa época, chegou a ganhar dois “World Music Awards”. De lá para cá, Andrea Bocelli continuou cantando em concertos do mundo inteiro.

Andrea Bocelli ganhando o prêmio de World Music Awards em 2010.
Fonte: Zimbo

Carreira de sucesso

Não muito tempo atrás, o tenor lançou uma edição especial em comemoração aos vinte anos do seu álbum “Romanza”. Aliás, este é um dos seus discos mais aclamados pela crítica, e o álbum italiano mais vendido até hoje.

Bocelli também participou de programas de talentos na televisão, como American Idol, em 2006. Na ocasião, ele cantou junto aos seis finalistas da edição.

Em abril de 2020, mais exatamente no dia 12, um Domingo de Páscoa, Andrea Bocelli voltou a emocionar o mundo com sua voz. Em meio à pandemia de Coronavírus, o tenor preparou uma comemoração de Páscoa diferente. Em suma, ele se apresentou na Catedral de Milão completamente vazia. A Itália (e várias partes do mundo) já estava em isolamento social há meses, para conter o avança da doença.

Por fim, agora que você já sabe um pouco mais sobre a biografia do tenor Andrea Bocelli, que tal conhecer um pouco mais sobre a carreira de Lady Gaga?

Fontes: Antena 1, Deficiente Ciente, Mundo de Músicas

Fonte Imagem Destaque: Aleteia

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

4.4 5 votos
Dê a sua opinião

guest
3 Comentários
Antigos
Novos Mais votados
Feedbacks
Ver todos os comentários
Marcos Matias
Marcos Matias
23 de novembro de 2021 12:30

Expandir a cultura e o conhecimento é uma forma de iluminar o universo com a infalível luz da sabedoria.

Yasmin
Yasmin
5 de dezembro de 2021 12:28

Adorável as músicas dele. Um grande impacto nos dias atuais ouvir essa obra.

Elena
Elena
9 de junho de 2022 23:23

Ótimo


Escolhidas para você