Anvisa proíbe alisantes de cabelo por conter substância cancerígena

Se você costuma usar alisantes de cabelo, aí vai um alerta: A Anvisa suspendeu do mercado a venda de quatro linhas desses produtos. O motivo? Foram detectados níveis de formol acima do permitido em suas fórmulas.

Estão nessa lista de alisantes de cabelo retirados das prateleiras todos os lotes do Maxxdonna Profissional Matutinha Máscara 02 Redutora de Volume, todos os lotes do 2 Step Ingel Maxx Premium Forever Liss Professional, lote 054 do Forever Liss Botox e lote 5444 da Bio Amazônica – Argila Terapia.

Depois da decisão, segundo a Anvisa, os produtos não podem mais ser distribuídos, divulgados, comercializados e nem mesmo utilizados. Então, caso você tenha algum deles em casa, o melhor mesmo é suspender o uso imediatamente, por mais que possa doer no bolso.

Alisantes de cabelo x câncer

De acordo com análises realizadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco, os índices de formaldeído estão muito superior a 0,2% de formol, que é a máximo permitido por lei. Segundo quem entende do assunto, esse limite faz com que a substância atue como conservante e não como alisante.

Além disso, o formol é uma substância tóxica. Em contato com a pele e pode causar queimaduras, e, ao ser inalado, pode levar a irritação nas vias aéreas, reduzir a frequência respiratória, causar pneumonia e assim por diante.

Isso tudo sem contar que essa substância encontrada em alta concentração nos alisantes de cabelos citados aumenta bastante as chances de se desenvolver câncer.

O que as marcas dizem sobre o assunto?

Segundo a reportagem do Correio Brasiliense, a equipe de jornalistas tentou entrar em contato com as marcas para ouvir o que elas tinham a dizer sobre o assunto.  Entretanto, a Aguss Indústria e Comércio de Cosméticos, fabricante do Forever Liss Botox, e a Embratec Envaso, responsável pela Bio Amazônica – Argila Terapia, não se pronunciaram sobre o assunto.

Representantes das empresas G.A.M, que fabrica os produtos da Maxxdonna Profissional, e a ITC Cosméticos não foram encontradas pela reportagem.

Sobre a escolha de produtos alisantes para os cabelos, o conselho dos profissionais é que se procure um salão de confiança para fazer esse tipo de tratamento. Além disso, é preciso sempre ler o rótulo dos produtos para saber o que você realmente está consumindo.

E então, você utiliza ou já utilizou algum desses alisantes de cabelo que foram retirados do mercado? Não deixe de comentar se teve alguma reação a eles!

E, falando em produtos recolhidos do mercado por apresentar risco aos consumidores, você precisa conferir ainda: Máscara para cabelo tem lotes retirados do mercado pela Anvisa.

Fonte: CB