Celebridades

Angelina Jolie e Brad Pitt se separam após 12 anos de relacionamento

Angelina Jolie e Brad Pitt se separam após 12 anos de relacionamento. Segundo pedido de divórcio, o motivo foram “diferenças irreconciliáveis”:

Atualizado em 10/10/2018

Se o ano de 2016 não tirar a fé da humanidade no amor, nenhum outro vai. Isso porque depois da lamentada separação dos jornalistas William Bonner e Fátima Bernardes, o mundo agora precisa lidar com a notícia (infeliz) de que Angelina Jolie e Brad Pitt se separam, nos Estados Unidos, após 12 anos de relacionamento e muitos holofotes.

Embora o casal já estivesse cercado sobre o burburinho de separação há algum tempo, como você já viu por aqui, dessa vez, o boato se mostrou verdadeiro. Segundo o site americano TMZ, especializado na vida dos artistas, Angelina Jolie entrou com pedido de divórcio à Brad Pitt na segunda-feira, 19 de setembro, embora os dois já estivessem separados desde a quinta-feira, dia 15 de setembro.

3

Ainda de acordo com o site, Angelina Jolie e Brad Pitt se separam por “diferenças irreconciliáveis” na criação dos seis filhos. Não houve mais detalhamentos sobre o fim da união à imprensa. O advogado de Angelina informou que a cliente não se pronunciaria e pedia respeito à sua família e Brad Pitt apenas comentou, em entrevista à revista People, que se sentia muito triste com a situação e pediu espaço aos filhos.

Guarda dos filhos

Conforme o processo, Angelina não pede ajuda financeira ao ex-marido e exige a guarda dos seis filhos, de forma não compartilhada. Brad Pitt teria direito apenas a visitas aos filhos.

1

Já, com relação aos bens do casal, cada um deles teria a mesma fortuna de tinham antes da união. O patrimônio construído após o casamento, ainda segundo o site TMZ, deve ser partilhado, de forma igualitária, entre os seis filhos do casal.

Angelina Jolie e Brad Pitt se separam… mas por quê?

E, apesar dos boatos de que haveria uma terceira pessoa nessa história, o site de fofocas garante ser mentira. Pelo menos não seria este o pivô da separação.

2

“Fontes próximas ao casal”, como contam as matérias internacionais, explicam que Angelina Jolie e Brad Pitt se separam porque ela não concordavam com algumas atitudes do ex-marido diante dos filhos, como o consumo de álcool e maconha, além do hábito de Pitt não conseguir se controlar em momentos de raiva.

“Casal 20”

Independendo dos motivos pessoais do casal, até então, mais poderoso de Hollywood, a verdade é que os fãs de todo o mundo lamenta muito a notícia, especialmente nas redes sociais. Isso porque o casal, apesar dos mares de fofocas e dos altos e baixos comuns de uma relação, sempre pareceram muito sólidos durante os 12 anos que passaram juntos.

4

Aliás, para quem não se lembra, Angelina Jolie e Brad Pitt assumiram a relação em 2004, logo após as filmagens do filme Sr. e Sra Smith, trama na qual viveram um casal de espiões. De lá para cá, eles passaram a ser o xodó do público, tiveram três filhos biológicos e três adotivos e oficializaram a união em agosto de 2014, na França.

5

Mas, calma, ninguém precisa perder, completamente, a fé no “amor eterno”. Esta outra matéria vai fazer você enxugar as lágrimas e ter um pouquinho de esperança novamente: Advogado salva casamento com 4 perguntas em bilhete.

Fontes: El País, Hugo Gloss

Por <a href='https://areademulher.r7.com/author/thamyris/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Thamyris Fernandes</a>
Por Thamyris Fernandes
Jornalista pela PUC Goiás. Já flertou com assessoria de imprensa, passou um tempo em jornais impressos e encontrou na internet seu habitat natural. Basicamente, uma taurina curiosa. Gosta de vinho, café, livros, um bom papo e aconchego. Ama o que faz e faz o que ama por aqui. Instagram: @thamyriscf