Quais são as mulheres mais poderosas de 2022?

A revista Forbes divulgou a lista anual das mulheres mais poderosas do ano. Confira quais os nomes fizeram a diferença no mundo esse ano.

A revista Forbes divulgou recentemente a sua tão esperada lista de mulheres mais poderosas do mundo em 2022. No top 3 da 19ª lista anual da revista temos Ursula von der Leyen, presidente da Comissão Europeia em primeiro, em seguida Christine Lagarde, presidente do Banco Central Europeu e em terceiro lugar a vice-presidente dos EUA. Kamala Harris.

A lista Forbes das Mulheres Mais Poderosas do Mundo elegeu 100 nomes que tiveram destaque esse ano. Aliás, a escolha das mulheres é feita a partir de quatro fatores principais: dinheiro, mídia, impacto e influência. Sendo assim, o resultado é uma seleção de mulheres, que de acordo com a revista, lutam contra o as regras e padrões. 

A lista desse ano não teve nenhuma brasileira. Mas confira 20 mulheres brasileiras importantes para a história do país. 

Quais são as mulheres mais poderosas de 2022?

Então vamos lá, conhecer quais foram as mulheres eleitas as mais poderosas desse ano.

1. Ursula von der Leyen

No topo da lista, a presidente da Comissão Europeia. Depois da invasão da da Ucrânia pela Rússia, Ursula lançou três sanções econômicas contra o país de Putin. Entre elas, proibindo transações com o banco central, bem como fechando o espaço aéreo para viagens russas e a proibição de agências de notícias do Kremlin.

2. Christine Lagarde

Christine foi a primeira mulher a chefiar o Banco Central Europeu. E assim como a primeira colocada da Lista, ela também teve grande influência equilibrando o apoio contínuo à Ucrânia. Além disso, Christine Lagarde também ajudou a reduzir a inflação e os custos de energia.

3. Kamala Harris

No ano passado, Kamala Harris se tornou a primeira mulher, primeira negra e primeira sul-asiática-americana a se tornar vice-presidente da maior potência do mundo.

4. Mary Barra

Mary Barra é a CEO da empresa General Motor, e a primeira mulher a comandar uma das três maiores montadoras dos Estados Unidos. Aliás, sob sua liderança, a empresa obteve constantes altas em relatórios de equidade de gênero.

5. Abigail Johnson

Ela é CEO da empresa Fidelity Investments desde 2014, ano em que assumiu o cargo do seu pai e é presidente desde 2016. Sendo assim, Abigail Johnson tem cerca de 24,5% de participações na empresa, e possui um cerca de US$ 3,7 em ativos administrados. 

6. Melinda Gates

Melinda Gates é apenas uma das mulheres mais poderosas em termos de filantropia no mundo. Isso porque ela é co-presidente da Fundação Bill e Melinda Gates. Sendo assim, ela destinou boa parte do seu trabalho para atender aos direitos das mulheres e meninas.

7. Giorgia Meloni

Em outubro desse ano, Giorgia Meloni se tornou primeira-ministra da Itália, e também a primeira mulher na história do país a ocupar tal cargo. E mais do que isso, ela ainda representa a liderança feminina como a única mulher a comandar uma nação do G20.

8. Karen Lynch

Karen é CEO DA CVS Health, uma empresa de serviços voltados para a saúde. Aliás, essa empresa administra a maior concentração de pontos de testes de Covid administrados de forma independente nos Estados Unidos, e Karen foi responsável pelo comando de resposta a pandemia da CVS em 2020.

9. Julie Sweet

Julie Sweet é CEO da Accenture, empresa de serviços globais desde de 2019. E como tal, ela faz com que a diversidade seja sua prioridade. Em entrevista à Forbes ela disse o seguinte: “Uma cultura de igualdade ajuda a todos. Não é um jogo de soma zero”. 

10. Jane Fraser

Fechando o top 10 das mulheres mais poderosas do mundo em 2022, temos a CEO do Citigroup, Jane Fraser. Ela se tornou a primeira mulher a chegar a esse cargo, além de ser a primeira mulher a gerir um grande banco de Wall Street. 

TOP 50 das mulheres mais poderosas do ano

A seguir, os 50 nomes mais bem colocados na lista:

  1. Ursula von der Leyen (Presidente da Comissão Europeia)
  2. Christine Lagarde (Presidente do Banco Central Europeu)
  3. Kamala Harris (Vice-presidente dos EUA)
  4. Mary Barra (Presidente da General Motors Company)
  5. Abigail Johnson (CEO da Fidelity Investments)
  6. Melinda Gates (Filantropa)
  7. Giorgia Meloni (Primeira-ministra da Itália)
  8. Karen Lynch (CEO da CVS Health)
  9. Julie Sweet (CEO da Accenture)
  10. Jane Fraser (CEO do Citigroup)
  11. Mackenzie Scott (Filantropa)
  12. Kristalina Georgieva (Diretora-geral do Fundo Monetário Internacional)
  13. Rosalind Brewer (CEO da Walgreens Boots Alliance)
  14. Emma Walmsley (CEO da GlaxoSmithKline)
  15. Ana Patricia Botín (Presidente executiva do Grupo Santander)
  16. Gail Boudreaux (CEO da Elevance Health)
  17. Tsai Ing-wen (Presidente de Taiwan)
  18. Ruth Porat (CFO da Google)
  19. Safra Catz (CEO da Oracle)
  20. Martina Merz (CEO da ThyssenKrupp)
  21. Carol Tomé (CEO da United Parcel Service)
  22. Judith McKenna (CEO da divisão Internacional do Walmart)
  23. Susan Wojcicki (Diretora executiva do Youtube)
  24. Oprah Winfrey (Apresentadora)
  25. Nancy Pelosi (Presidente da Câmara dos Representantes dos EUA)
  26. Laurene Powell Jobs & family (Filantropa)
  27. Amanda Blanc ( CEO da Aviva)
  28. Amy Hood (CFO da Microsoft)
  29. Catherine MacGregor (CEO da Engie)
  30. Phebe Novakovic (CEO da General Dynamics)
  31. Gwynne Shotwell ( Presidente e COO da SpaceX)
  32. Shari Redstone (Chair da Paramount Global)
  33. Janet Yellen (Secretária do Tesouro dos Estados Unidos)
  34. Jéssica Tan (Diretora Executiva da Ping An Healthcare And Technology Company)
  35. Ho Ching (Diretora da Temasek Trust)
  36. Nirmala Sitharaman (Ministra das Finanças e Assuntos Corporativos da Índia)
  37. Thasunda Brown Duckett (CEO da TIAA)
  38. Kathy Warden (Presidente e CEO da Northrop Grumman)
  39. Marianne Lake, Jennifer Piepszak (Co-Ceos da Consumer & Community Banking)
  40. Jacinda Ardern (Primeira Ministra da Nova Zelândia)
  41. Dana Walden (Disney General Entertainment Content)
  42. Sheikh Hasina Wajed (Primeira Ministra de Bangladesh)
  43. Mary Callahan Eedos ( CEO da Asset & Wealth Management)
  44. Adena Friendman (Ceo NASDAQ)
  45. Gina Rinehart (Presidente Executivo da Hancock Prospecting)
  46. Lynn Martin (Presidente da NYSE)
  47. Sri Mulyani Indrawati (Ministra das Finanças da Indonésia)
  48. Vicki Hollub (CEO da Occidental Petroleum)
  49. Nicke Widyawati (CEO da Pertamina)
  50. Lisa Su (CEO da Advanced Micro Devices)

LEIA MAIS:

Mulheres de Sucesso 2022: Veja quem são as 20 eleitas pela Forbes

8 mulheres que ficaram milionárias antes dos 30 anos

Mulheres investidoras possuem melhor retorno do que homens

Mulheres mais ricas do mundo, quais são e o que fazem?

100 frases de mulheres fortes, para reafirmar todos os dias

Mulheres empreendedoras – 14 histórias de sucesso para você se inspirar

Fontes: G1 Forbes R7 Tracklist 


Outras postagens

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários