Curiosidades

Tarô, o que é? Origem, história e como fazer a leitura

O tarô é um método de leitura do futuro usado no intuito do autoconhecimento. sua origem vem de várias culturas e povos da humanidade.

Atualizado em 20/08/2020

Nascemos, vivemos e morremos em busca de respostas. E é por isso que milhares de pessoas apostam suas vidas no tarô. As enigmáticas cartas com desenhos, nomes, formatos e divisões misteriosos veem de uma tradição muito antiga na história da humanidade. Mas, independente de quando e onde foi inventada sua existência continua tendo o mesmo significado até hoje: transmitir uma mensagem.

O futuro a princípio é cego para todos nós e tentar saber um pouquinho dele já é um maneira de alívio. Principalmente quando podemos nos orientar nas escolhas e caminhos a tomar nos momentos onde estamos mais confusos. Nesse intuito, existem uma gama de 78 cartas no baralho de tarô prontas esclarecer as dúvidas e trazer orientações para os próximos passos.

O que é o Tarô?

Titi Vidal

Antes de tudo há uma divisão simples no baralho que orienta os leitores em suas consultas. Do total de 78 cartas do tarô 22 são as cartas principais, chamadas de “arcanos maiores”, e outras 56, nomeadas como “arcanos menores”.

Primeiramente saiba que cada ilustração em cada carta possui um significado. O material é carregado de simbologias e cada qual tem sua orientação. Na medida que se escolhem as cartas no atendimento o cliente vai montando o seu próprio panorama de vida “consulente”. Ou seja, dentro das opções escolhidas há coisas positivas e negativas sobre o seu futuro.

Mas, porque há essa divisão entre arcanos? Simples! Cada um foca em um âmbito diferente da vida. O Arcanos maiores são mais focados no interior de cada um, enquanto os arcanos menores fazem uma análise mais exterior. Portanto é assim que ambos os lados dão uma resposta ampla para diante de várias perspectivas da vida.

História de origem

Universa

Há controvérsias quanto a origem do tarô. Existem boatos, por exemplo, de que há uma grande semelhança de figuras do Egito com as ilustrações do tarô. No entanto, as mais contadas e disseminadas de todas as versões são as associadas ao livro de Toth e a Hermes, pertencente a mitologia grega.

Ambos os personagens permeiam os mistérios das cartas e criam significados esplendidos para cada simbologia. Antes de adentrar a história dos dois antigos deuses é importante saber que as cartas também foi uma fuga ao conhecimento.

Na Idade Média, após o incêndio da biblioteca na Alexandria, os sábias se sentiram retraídos em relação a expôr e registrar suas ideias. Para preservar afinal as descobertas para o mundo uma das maneiras encontradas por eles foi sobretudo a ilustração das cartas. Tendo em vista este objetivo é bom começar, desde já, a associar também a razão e a ciência ao observar os itens do tarô.

Livro de Toth

Mitologia Egípcia

A princípio, para quem tem a curiosidade de adentrar ainda mais o mundo da magia o livro de Toth é o mais indicado para a aventura. A antiguidade foi pautada em diversas crenças e histórias místicas afim de desvendar o universo. Os egípcios tinham como base o Deus Toth e através dele criaram uma série de escritos sobre os segredos da criação do mundo.

O registro de sua escrita é datado de 2170 a.C e o volume contém as 78 cartas do tarô.  Cada qual possui  sobretudo o seu dignificado divino. O mais interessante é que o exemplar foi feito a partir de um encontro entre magos em um templo chamado Amon. A decisão unânime deste encontro gerou o conteúdo mais usado e disseminado atualmente. Todas as “Lâminas, ou Arcanos” trazem uma orientação relacionada aos sentimentos e as situações da vida.

Os Deuses Gregos

Elo7

Não dá para passar em branco pela história dos deuses ao falar dos princípios mitológicos da criação das carta de tarô. Hermes, filho de Zeus e de Maia, teve um encontro determinante com Apolo, Hécate e Hades. No intuito de recuperar sua filha Koré das mãos de Hades, a deusa da magia, Hécate, acaba pedindo ajuda a Hermes para resgatá-la do submundo.

O plano, por fim, não deu muito certo e Koré se casa com Hades passando a se chamar Perséfone. O fato a faz representar as estações do ano graças as mudanças imprevisíveis de sua vida. Mas, o que é que isto tem a ver com o tarô? Respondo: praticamente tudo!

São a partir desses acontecimentos míticos que os significados das cartas surgem. Cada carta representa um dessas situações entre deuses. Hermes e Perséfone são somente uma das situações que geraram as orientações do tarot. É exatamente por isso que saber ler requer muito estudo e leitura, porque não são significados vindos do nada. Há, afinal, um embasamento histórico e mitológico para cada representação.

Como ler?

Pixabay

Vamos contrapor um pouquinho esta visão de futuro das cartas de tarô. Em primeiro lugar o principal objetivo da leitura não é oferecer um caminho pronto a seguir e a resposta de todas as perguntas. É, primeiramente, gerar autoconhecimento e reflexões sobre a própria vida.

O processo de introspecção leva a abertura de vários caminhos a seguir. O profissional que irá efetuar a leitura vai pedir que se oriente através um pergunta em específico sobre sua vida, ou um panorama geral dos acontecimentos. Ante de tudo, o tarólogo vai expor algumas coisas do seu passado que continuam influência sua vida atual.

Com essa visão personalizada de cada situação se torna mais fácil de encontrar o caminho correto. Pense em uma terapia, por exemplo. Nós precisamos resolver certas pendências para avançar adiante e fazer as melhores escolhas. É isso que as cartas propõem, ou seja, uma consciência de pontos a serem fechados de modo a abrir melhor os olhos para os eventos e oportunidades futuras.

Tipos de tarô

Mercado Livre

A história se traduz a partir de várias perspetivas culturais. Portanto existem vários tipos de leituras, ilustrações de acordo com o contexto inserido na criação das cartas. As apresentadas acima (egípcia e grega) não são as únicas disponíveis.

As ilustrações, as significações tudo pode mudar. Contudo, não se esqueçam, o principal e único objetivo de todas as leituras de carta é a busca pelo autoconhecimento.  Só para entender um pouco mais sobre essas variações veja:

Tarô de Marselhas

Alfabeto

Tarô mitológico

Event Brite

Tarô Egípcio

iQuilíbrio

Tarot Crowley

Mercado Livre

 

Por fim, saiba mais sobre curiosidades como essa em O que sua linha do coração, na palma da mão, revela sobre você

Fontes: Saraiva, Clube do Tarô, Educa Mais Brasil, iQuilibrio, Mega Curioso, Astro Centro, Mundo Zumm,

Fontes de imagens: Titi Vidal, Universa, Mercado Livre, Elo7, Mitologia Egípcia, Alfabeto, Event Brit,