Saúde

Meias de compressão, o que são? Tratamento, utilidade e como usar

As meias de compressão são usadas para tratamentos terapêuticos voltados para o auxílio da circulação sanguínea e exercício muscular.

As meias de compressão são acessórios usados para alguns tipos de tratamentos médicos e, atualmente, para auxílio na hora de realizar exercícios físicos. Elas, basicamente, têm o papel de comprimir os músculos e prevenir as dores nas pernas e fadigas musculares.

Além das musculaturas, essas meias podem melhorar a circulação sanguínea. Existem vários tamanhos que atendem bem às necessidades do corpo. Os tipos mais comuns são de tamanho médio, que vão até o joelho, cobrindo a panturrilha. Mas, elas também podem chegar até o abdômen.

Como funcionam?

Meias de compressão - como funciona, para o que serve
Guia do bebe

As meias de compressão funcionam como uma força exercida sobre as pernas, para que o sangue que circula pelo corpo, e passa pela perna, chegue até o coração novamente. Essa pressão é como uma bomba, que auxilia as veias e o coração à fazerem o caminho sanguíneo completo.

No sentido muscular, as linhas das meias são verticais e horizontais. Portanto, a pressão é feita de maneira homogenia. Com isso, não há, por exemplo, oscilação dos músculos durante uma atividade física.

Graças à essa tecnologia, ainda há outra forma positiva em relação ao seu uso. Elas auxiliam na drenagem linfática, ou seja, na redução dos restos que são transportados dentro da células e são expulsas pelos linfo.

Tratamento com meias de compressão

Meias de compressão - como funciona, para o que serve
BNT

As meias são prescritas para vários tipos de doenças que envolvem as circulação sanguínea. E essas são:

Varizes

Meias de compressão - como funciona, para o que serve
O Paraná

Primeiramente, os tratamentos de varizes são, normalmente, seguidos de receitas do uso de meia de compressão. Elas diminuem a sensação de peso, formigamento e queimação nas pernas, sintomas provocados pela doença. E, ainda por cima, reduzem o inchaço e a coceira causados pela má circulação.

Insuficiência Venosa Crônica (IVC)

Meias de compressão - como funciona, para o que serve
Clínica Ortopédica e Vascular

Esse estágio da insuficiência venosa é uma fase complicada, porque as marcas na pele são irreversíveis. A princípio, essa doença alcança mais as mulheres do que os homens, chegando a contabilizar 33% da população feminina.

Além da dor, do inchaço e da queimação nas pernas, o estágio crônico é acompanhado, sobretudo, por ressecamento da pele e manchas escuras. No entanto, vários fatores estão associados ao desenvolvimento da doença, sendo eles: hereditariedade, obesidade, gestações e sedentarismo.

A princípio, as meias de compressão, nesse caso, não curam a doença, mas o uso diário é fundamental para ajudar na circulação e diminuir os sintomas. O foco, portanto, é a melhora da qualidade de vida.

Síndrome pós-trombótica

Meias de compressão - como funciona, para o que serve
Vascular Clínica

Primeiramente, a trombose ocorre quando uma veia é bloqueada, impedindo assim a circulação sanguínea. Contudo, após a cura, há uma grande probabilidade do retorno dos sintomas. As dores e inchaços permanecem cronicamente na vida da pessoa.

É aí, portanto, que entra em ação as meias compressivas, para ajudar no não desenvolvimento da doença para um estágio chamado de síndrome de Parsonage‐Turner (SPT). O AVC também é evitado com o uso das meias, já que este mal está totalmente relacionado à circulação sanguínea.

Gestação

Meias de compressão - como funciona, para o que serve
Vix

O peso gerado sobre as pernas, graças ao crescimento da barriga, também gera desconforto nas pernas das gestantes. As meias irão ajudar a reduzir essa sensação desagradável durante o período de gestação.

Outra formas de usar meias de compressão

Meias de compressão - como funciona, para o que serve
Sua Corrida

Não são só nos casos de prescrição médica que podemos usar as meias de compressão. Elas também podem ajudar quando fazemos longas viagens, ou em trabalhos que exigem muito que fiquemos em pé.

Ou, como já mencionado anteriormente, pode prevenir espasmos musculares durante os exercícios físicos. Os atletas que mais as utilizam são os corredores, porque o esporte exige muito das pernas. A musculatura sofre muito com os impactos no dos pés no solo.

Como colocar as meias

As vezes, por serem muito apertadas, as pessoas apresentam certa dificuldade para colocar as meias. Portanto, separamos um vídeozinho rápido e prático para assistir e aprender a forma correta de se colocá-la sem sofrimento e, sobretudo, sem danificar o seu produto.

Quando não usar as meias de compressão

Meias de compressão - como funciona, para o que serve
Espaço Rafah

Mas, mesmo com tantos pontos positivos, ainda existem contraindicações sobre seu uso. O melhor mesmo é consultar um médico antes de começar a usar e fazer alguns exames para não correr o risco de prejudicar o funcionamento de outra partes do corpo.

Em casos de problemas relacionados ao coração, como a insuficiência cardíaca, não é aconselhável que haja o efeito da compressão na pernas. Isso pode prejudicar e muito o desempenho do coração. Outras doenças que podem impedir o uso são: isquemia, infecções ou feridas e alergias.

Por fim, observe bem, após o incio do uso, se não haverá o desenvolvimento, sobretudo, de alergias ao material. Caso haja, o certo é parar o uso e procurar ajuda clínica para testar outras alternativas adaptáveis ao seu organismo.

No mais, leia sobre Como tratar varizes com remédios naturais e caseiros

Fontes: Ministério da Saúde, Cochrane, Elsevier, Minha Vida, Sbacvsp, Meias Express, Cuidados Pela Vida, Webrun, Ativo, Ativo 2, Saúde Store, Nsc Total, Maconequi, Tua Saúde 2, Orto Ponto

Fontes de imagens: Sigvaris Group, Guia do Bebe, BNT, O PAraná, Clínica Ortopédica e Vascular, Vascular Clinica, Vix, Sua Corrida, Espaço Rafah,

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários

Escolhidas para você