Dicas & Truques

Música para meditar – Efeitos, como escolher e 20 sugestões de músicas

A meditação demanda muita concentração, e os sons podem ajudar nisso, a escolha certa da música para meditar pode fazer toda diferença.

Você já parou para ouvir alguma música para meditar? Em meio à correria do dia a dia e o estresse da rotina, cada vez mais as pessoas estão procurando formas de relaxar e se manter concentrado. O que, muitas vezes, é um grande desafio, em meio a tudo que acontece ao nosso redor. A meditação é uma das formas mais comuns de se fazer isso.

No entanto, sabemos que não é nada fácil desligar a mente de tudo. Mas, existem algumas ferramentas que podem auxiliar nesse hora, e música para meditar, como mencionamos, é uma delas.

Mais do que nunca, a meditação tem sido uma prática procurada por pessoas que precisam de um tempo para si mesmas. Inclusive, aqui mesmo no Área, já falamos sobre a prática e ensinamos como meditar. É algo simples, e talvez por isso seja tão difícil, mas não impossível.

Desde que o homem é homem, os sons têm efeitos sobre o nosso organismo, seja de agitação ou relaxamento. Isso depende diretamente do tipo da sonoridade de cada som que escutamos. Por exemplo, um som de algo muito grande caindo, naturalmente, causa um susto e nos deixa em estado de alerta.

O mesmo acontece quando estamos em um ambiente tranquilo. Porém, neste segundo caso, a tendência é ficarmos mais calmos e relaxados.

O fato é que a música tem diversos efeitos terapêuticos e relaxantes sobre a mente humana. Justamente por isso, a música pode ser um dos meios mais eficazes para mudar o nosso estado vibracional. Sendo assim, escolher uma boa música para meditar pode fazer toda a diferença na hora de se conectar consigo mesma.

Portanto, hoje vamos conhecer mais sobre os efeitos positivos da música para meditar e como escolher a melhor para você. Além disso, fizemos uma lista de sugestões de músicas perfeitas para este momento.

Música como ferramenta para meditar

Música para meditar - Efeitos, como escolher + 20 sugestões de músicas
Fãs da Psicanálise

Um dos maiores desafios para as pessoas quando estão começando a praticar meditação, é a dificuldade em se concentrar e silenciar a mente. Afinal, esvaziar a mente não é nada fácil, já que estamos sempre pensando em alguma coisa. Mas, existem algumas coisas que podem contribuir para que você alcance um estado de concentração plena, e a música é uma das mais eficazes.

Contudo, quando falamos de música para meditar, é importante esclarecer que não é qualquer tipo de música que vai servir. Assim como dito anteriormente, a música tem grande influência sobre o nosso estado mental.

Os sons podem gerar os mais diversos efeitos sobre o nosso corpo, mente, emoções e até na nossa percepção. Sabendo disso, pressupõe-se que a escolha da música para meditar deve ser do tipo que acalme nossa mente e ajude a controlar as emoções, e não ao contrário.

E, assim como existem os mais variados tipos de músicas, para todos os gostos e estilos; também existem vários estilos para meditação. Há uma infinidade de possibilidades, tendo em vista que existem músicas instrumentais, com sons da natureza, com vocais mais harmônicos, entre outros. No Ocidente, por exemplo, as músicas para esse propósito geralmente se dividem em elementos melódicos, rítmicos e harmônicos.

Portanto, cada um deles são baseados em elementos sonoros diferentes, e produzem efeitos variados em nossa mente. Contudo, as músicas indicadas para meditação compartilham de algumas características bem específicas.

Tipo de música para meditar

Música para meditar - Efeitos, como escolher + 20 sugestões de músicas

Quanto aos elementos rítmicos, estudos científicos já mostraram que as mudanças de tempo, modo e percussão causam alterações cardiovasculares e têm grande influência sobre o nível de tensão do organismo. Basicamente, isso quer dizer que, quanto mais rápido o ritmo de uma música, menor será o estado de relaxamento do ouvinte.

Ou seja, quando se trata de música para meditar, relaxar e acalmar, os estilos mais acelerados não são os mais indicados, como música eletrônica, por exemplo. Além disso, uma estrutura de música rítmica muito discordante, aumenta a produção do hormônio cortisol, substância ligada ao estresse. Não por acaso, uma das primeiras recomendações para meditar é escolher um ambiente calmo e silencioso.

Portanto, quando for escolher uma música para meditar, procure por músicas mais lentas e com harmonia linear. Tudo isso tende a contribuir para um estado de relaxamento e concentração, ideal para a atividade meditativa. Desse modo, a música pode ajudar a treinar a mente, para a atenção plena, maior foco e, principalmente, controle emocional.

Efeitos da música na meditação

Música para meditar - Efeitos, como escolher + 20 sugestões de músicas
Cris Pitanga

Como sabemos, um dos principais objetivos da meditação é alcançar e manter um estado mental de extrema concentração. Ou seja, para que isso ocorra, precisamos que nada chame mais a nossa atenção do que o momento de plenitude. Sendo assim, a música tem efeito positivo para chegar e se manter nesse estado.

Portanto, quando se fala em meditação e música, além dos sons propriamente ditos, precisamos nos atentar à nossa cognição. Por que isso? Porque a mudança de estímulo desperta a nossa atenção e, consequentemente, tira a mente de onde estava, o que acontece mais facilmente com a ausência de uma música nesse momento. Afinal, qualquer outro som no ambiente pode facilmente atrapalhar o seu momento de concentração.

Desse modo, a mudança entre uma música e outra ou uma pausa momentânea também pode fazer com que você perca totalmente o foco e controle da sua mente. Sendo assim, para alcançar um efeito positivo da música para meditar, além de escolher músicas suaves e que transmitam tranquilidade, é importante escolher músicas com maior duração. Portanto, você não correrá o risco de perder a atenção por causa da troca de música em um momento de foco.

Como escolher música para meditar?

Música para meditar - Efeitos, como escolher + 20 sugestões de músicas
Comac

Então, sabendo disso, já temos uma ideia de como escolher música para meditar. Além de procurar músicas leves, sem muitas alterações sonoras e rítmicas, é importante priorizar faixas longas e ininterruptas.

No entanto, algumas músicas muito extensas podem ter uma variação harmônica e melódica muito marcante, como uma sinfonia, por exemplo. Sendo assim, esse tipo de música também não é uma boa escolha se o intuito for a meditação. Isso porque, além das diferenças rítmicas em uma mesma música, qualquer variação de um ou mais elementos sonoros pode atrapalhar o nosso foco. Nesse caso, a música acabaria prejudicando ao invés de ajudar a meditar.

Além disso, existem outros detalhes que fazem toda a diferença em uma música para que ela contribua com o seu trabalho meditativo. Por exemplo, procure evitar músicas que comecem com um instrumento e terminem com outro, ou seja, que tenham uma mudança muito evidente do timbre.

Aliás, faça o mesmo com músicas que têm muitos elementos percussivos. Sendo assim, dê preferência sempre para músicas com poucos elementos e quase nenhuma variação rítmica.

Na maioria dos casos, as pessoas encontram maior facilidade de meditar quando escutam apenas um instrumento, como um tambor tocando no mesmo ritmo, por exemplo. Músicas mais lineares e sem mudança de tons também têm ótimos resultados.

Confira 20 sugestões de músicas para meditar

Por fim, confira a seguir uma seleção com músicas para quem desejar relaxar e meditar.

1 – Um Amanhã Melhor

2 – Faith In Her – Clubroot

3 – Música para meditar e se conectar com o universo

4 – Stars – Brian Eno

5 – May It Be – Enya

6 – The Wolf Song – Vargsangen

7 – Airstream – Electra

8 – Tetro – Matt Kivel

9 – The Frozen Call – Ancient Nordic Chant

10 – Solringen – Wardruna

11 – Iconography – Max Richter

12 – Alive – Mitch Page

13 – Serenity – Braak

14 – Immanuel – Tony Anderson

15 – Awake – Hazy

16 – Departures – Chasing Dreams

17 – Butterflies (Piano Sonata)

18 – Eternal Spring – Tony Anderson

19 – Melancholy

20 – Nightwalk – Hazy

Enfim, o que você achou dessa matéria? Aliás, aproveite para conferir também música para malhar.

Fontes: Portal Namu Letras Guia da Semana

Imagem destacada: Zen 

Imagens: Catraca Livre Fãs da Psicanálise Mega Curioso Cris Pitanga Comac

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários

Escolhidas para você