Saúde

11 benefícios do chá de canela para a saúde e como fazer o chá

O chá de canela em pau ou em pó tem várias propriedades benéficas à saúde e pode influenciar na menstruação. Ou seja, tem vários benefícios.

Nesse artigo vamos ensinar como fazer o chá de canela e quais são seus benefícios. A canela é a casca interna de uma árvore da espécie Cinnamomum. Ela é extraída em lascas que secam e formam tiras, que se enrolam.

Por isso, tem a forma amadeirada e são conhecidas como “canela em pau”. Essas lascas podem ser moídas, tendo como resultado a canela em pó, do mesmo modo ambas podem ser usadas para fazer o chá de canela.

Existe outro tipo de canela conhecida como “canela-do-ceilão”, que é mais difícil de ser encontrada. A canela cássia é facilmente encontrada em supermercados, assim como em mercados centrais por ser mais barata.

Além disso, a especiaria é rica em vitaminas C e A, e nos minerais cálcio, ferro, magnésio e potássio, que são poderosos antioxidantes. Além disso, a canela tem propriedades anti-inflamatórias, anti-diabéticas, bactericidas, fungicidas e há discussões sobre o chá de canela influenciar na menstruação.

Pra que serve o Chá de Canela?

O  chá de canela é feito a partir da canela em pau ou em pó em água quente. Com isso, são liberados polifenóis, que têm ação antioxidante. Também possui o cromo, que ajuda na sensibilidade à insulina. Aliás, o consumo do chá de canela já se mostrou eficaz para acelerar o metabolismo, além de prevenir doenças.

Antes de mais nada, tem efeitos colaterais?

Primeiramente, a canela mais comum de encontrarmos é a cássia, como já mencionamos. Ela possui uma substância chamada “cumarina”, que é prejudicial ao organismo caso seja consumida em grandes doses.

A cumarina é um excelente anticoagulante, porém com a ingestão frequente pode se irritar o estômago e agravar úlceras. Além de aumentar a frequência cardíaca, provocar contrações uterinas e diluir muito o sangue ao ponto de causar hemorragias, no caso de quem já toma anticoagulantes.

Grávida pode tomar chá de canela?

Segundo alguns estudos, o chá de canela auxilia na diminuição dos incômodos provocados pela menstruação, porque ele reduz os níveis de prostaglandinas, aumenta os níveis de endorfina e melhora a circulação sanguínea.

Por isso, ele é eficaz no alívio dos sintomas da TPM, principalmente as cólicas menstruais.

Em contrapartida, não existem estudos que comprovam que o chá de canela é capaz de induzir as contrações uterinas e por isso, acelerar a menstruação ou causar abortos em mulheres no início da gravidez.

Contudo, um outro estudo, dessa vez em animais; mostrou que o óleo essencial da canela apresentou efeito abortivo. Por isso, se você está grávida, consulte seu ginecologista para que ele te orientar no consumo do chá de canela.

Como fazer o chá de canela

Ingredientes

  • 1 canela em pau (não pode ser em pó);
  • 1 xícara de água.

Em resumo, é fácil encontrar a canela em pau e em pó facilmente nos mercados. Porém, para preparar o chá, não se deve utilizar mais que uma colher de chá rasa de pó ou uma unidade do pau da canela.

Não ferva a água com a canela junto, pois este processo causa a perda de grande parte de suas propriedades benéficas à saúde. Insira o ingrediente principal depois da água quente, e não mais com bolhas de fervura.

Deixe a canela na água durante cerca de 5 minutos, coe e beba o líquido ainda quente.

Benefícios

1- Rica em antioxidantes

De acordo com três estudos da plataforma PubMed, a canela é rica em poderosos antioxidantes, como polifenóis. Eles são responsáveis por protegerem o organismo dos danos oxidativos causados ​​pelos radicais livres. Ou seja, protegem o corpo de infecções, doenças e do envelhecimento precoce.

2- Possui propriedades anti-inflamatórias

Alguns estudos mostraram que os antioxidantes presentes na canela, também tem propriedades anti-inflamatórias. Ou seja, são capazes de auxiliar o corpo a se recuperar  de grandes inflamações.

3- Acelera o metabolismo

Na parte oleosa da canela, que dá seu cheiro e sabor característico, se concentra um composto chamado de cinamaldeído. Ele é responsável por acelerar o metabolismo, devido seu efeito termogênico.

4- Combate fungos e bactérias

O cinamaldeído também ajuda em vários tipos de infecção. Pesquisas mostraram que ele inibe o crescimento de certas bactérias como a Listeria e a Salmonella, assim como previne a cárie dentária e reduz o mau hálito.

5- Diminui o risco de doenças cardíacas

Foi comprovado que canela reduz os níveis de colesterol total, colesterol LDL e triglicerídeos, enquanto o colesterol HDL (considerado o “bom colesterol”) permanece estável. Da mesma forma, outro estudo mostrou que apenas 120 mg por dia já causam esses efeitos e ainda aumenta o colesterol bom (HDL).

6- Previne doenças neurodegenerativas

Três estudos mostraram que a canela possui dois compostos capazes de inibir uma proteína no cérebro cujo acúmulo está associado à doença de Alzheimer. Assim como, outro estudo com ratos com a doença de Parkinson a canela ajudou a proteger os neurônios, normalizar os níveis de neurotransmissores e melhorar a função motora.

7- Previne o câncer

Uma pesquisa com camundongos com câncer de cólon mostrou que a canela é um potente ativador de enzimas desintoxicantes do cólon, protegendo contra o crescimento do câncer.

8- Aumenta a sensibilidade à insulina

A resistência à insulina é característica de doenças como a síndrome metabólica e a diabetes tipo 2. Entretanto, pesquisas mostraram que a canela pode reduzir drasticamente essa resistência,  e ajudar a insulina fazer seu trabalho.

9- Diminui o açúcar no sangue

Estudos confirmaram que  a canela interfere em numerosas enzimas digestivas, retardando a decomposição de carboidratos no trato digestivo. Ou seja, diminuindo a quantidade de glicose que entra na corrente sanguínea após uma refeição.

10- Ajuda no combate ao vírus HIV

Duas pesquisas mostraram a canela extraída das variedades cássia ajuda a combater o HIV-1. Contudo, ainda são necessários teste em humanos para comprovar a eficácia.

11- Alivia desconfortos menstruais

Enfim, foi feita uma pesquisa com adolescentes, que tomaram 420 mg de canela três vezes ao dia e isso mostrou uma significativa redução de cólica menstrual, náusea, vômito e sangramento. Isso durante as primeiras 72 horas do ciclo em comparação ao grupo que tomou um placebo.

Gostou da matéria? Então você também vai gostar dessa: Chá de alecrim – Propriedades, principais benefícios e contraindicações.

Fonte: Tuasaúde, Ecycle, Arevistadamulher, Lifestyle

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
1 Comentário
Antigos
Novos Mais votados
Feedbacks
Ver todos os comentários
Lindonete Moura
Lindonete Moura
23 de julho de 2022 03:29

Grata pelas informações.


Escolhidas para você