Saúde

Exames ginecológicos – Quais são e para que servem

Os exames ginecológicos são procedimentos solicitados por um(a) médico(a) ginecologista com o objetivo de garantir a saúde íntima e o bem-estar da mulher

Os exames ginecológicos são procedimentos solicitados por um(a) médico(a) ginecologista e têm como principal objetivo garantir a saúde íntima e o bem-estar da mulher, além de diagnosticar algumas doenças como, por exemplo a endometriose, HPV e candidíase.

Sendo assim, é indicado que a mulher vá ao ginecologista pelo menos uma vez ao ano, para que os exames ginecológicos sejam realizados, mesmo que não haja incômodos, aliás, existem diversas doenças assintomáticas, principalmente na fase inicial da menstruação ou da vida sexual.

Vale ressaltar que mesmo meninas virgens devem passar por esses procedimentos, já que nelas são examinados os seios, abdômen e parte externa da região genital. Já as mulheres que possuem vida sexual ativa passam também por exames preventivos, como, por exemplo, o toque e o Papanicolau.

Ademais, confira a seguir alguns exemplos de exames ginecológicos mais solicitados na rotina e como eles são realizados.

Principais exames ginecológicos

Toque vaginal

Helloclue

Esse exame é realizado ainda durante a consulta com o ginecologista e tem como objetivo analisar se há alguma irregularidade na vagina ou no colo do útero.

O procedimento é feito através da introdução dos dedos na região genital da mulher e os outros sentindo a região abdominal. Aliás, vale lembrar que é indolor.

Papanicolau

Dr. Fael Sato

O exame Papanicolau, também conhecido como prevenção, tem como principal objetivo detectar alterações nas células do colo uterino, e também diagnosticar, por exemplo, alguma infecção vaginal, ou até mesmo um câncer de colo do útero.

O procedimento é indolor e pode ser feito apenas em mulheres que já tiveram relações sexuais.

Exame de mama

Exames ginecológicos mais comuns: quais são e para que servem
Pebmed

O exame de mama pode ser realizado através do toque nas mamas, e também através de uma ultrassonografia. É indicado para observar se há alguma alteração na região ou a presença de nódulos.

Importante: Mulheres que já possuem mais de 40 anos devem fazer a mamografia anualmente, para prevenção do câncer de mama.

Exames ginecológicos – Histerossalpingografia

Alta

A histerossalpingografia é um exame de raio-X, onde é possível observar o colo do útero e as trompas de Falópio, identificando assim as causas da infertilidade e possíveis inflamações, como a salpingite.

Esse exame ginecológico tende a gerar desconfortos, portanto, é comum que médicos(as) ginecologistas recomendem o uso de analgésicos ou anti-inflamatórios antes e depois do exame.

Colposcopia

Lavoisier

A colposcopia é um exame indolor, porém, em alguns casos a paciente pode sentir uma ardência. O principal objetivo desse exame é observar o colo do útero e as estruturas genitais, como, por exemplo, vulva e vagina, podendo identificar tumores vaginais e sinais de infecção ou inflamação.

Ressonância magnética

Tua Saúde

Através da ressonância magnética é possível observar imagens das estruturas genitais para identificar alterações malignas, como, por exemplo, miomas, cistos ovarianos, câncer de útero e vagina. Além disso, esse exame também pode ser solicitado para verificar possíveis mudanças no sistema reprodutor da mulher.

Esse exame é indolor.

Exames ginecológicos – Ultrassonografia Pélvica

Exames ginecológicos mais comuns: quais são e para que servem
Fernanda Valente

Também conhecido como ultrassom transvaginal, esse exame é realizado através da introdução de um transdutor dentro da vagina ou no abdômen, portanto, em alguns casos, só deve ser feito por mulheres que possuem vida sexual ativa.

A ultrassonografia pélvica tem como principal objetivo detectar doenças, como por exemplo, ovários policísticos, endometriose, gravidez ectópica e sangramentos vaginais.

Vulvocospia

Exames ginecológicos mais comuns: quais são e para que servem
Mari Giuliane

A vulvocospia é um exame semelhante à colposcopia e segue os mesmos procedimentos. No entanto, o objetivo é examinar especificamente a vulva feminina e possíveis alterações na mesma.

Laparoscopia diagnóstica

Tua saúde

A laparoscopia diagnóstica ou videolaparoscopia é realizada através da introdução de um tubo fino e com luz na barriga da mulher, que permite a visualização dos órgãos reprodutores, permitindo então, a identificação de doenças como endometriose ou causas de infertilidade.

Esse exame necessita de anestesia geral.

Exames ginecológicos – Laboratoriais

Exames ginecológicos mais comuns: quais são e para que servem
CAC

Existem diversos exames ginecológicos de análises clínicas que podem ser solicitados pelo(a) médico(a) ginecologista, entre eles, estão por exemplo exames de sangue, hemograma completo, rastreamento infeccioso e dosagem hormonal.

Então, o que achou da nossa matéria? Aproveite para conferir também: Pontadas no útero – Principais causas e exames para detectar.

Fontes: Global medclinica, Tua Saúde, H9J.

Fontes das imagens: Parana Shop, Helloclue, Dr. Fael Sato, Pebmed, Alta, Lavoisier, Tua Saúde, Fernanda Valente, Mari Giuliane, Tua saúde 2, CAC.

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários

Escolhidas para você