Saúde

pH da Pele – O que é, importância e como mantê-lo equilibrado

O pH da pele é o indicativo dos níveis de acidez, alcalinidade ou neutralidade da pele, que formam a camada protetora da cútis.

Provavelmente, você já ouviu falar sobre pH, da pele, ou mesmo aquele descrito na fórmula de produtos cosméticos. O termo pH, que significa potencial Hidrogeniônico, é muito comum. Mas, mesmo assim, ainda desperta muita curiosidade.

Para entender o que é o pH da pele, antes precisamos conhecer mais sobre a própria pele. Entre as muitas funções deste nosso órgão, fundamental para o total funcionamento do nosso organismo, está a função de barreira protetora.

Isso mesmo, a nossa pele atua como um escudo do nosso corpo diante do mundo exterior. E é neste ponto que entra o pH da pele.

Isso porque o pH é um dos principais mecanismos de proteção da pele. É ele que protege a pele dos vários agressores externos aos quais somos expostos, como poluição, clima e contato com produtos químicos.

Por isso, é tão importante mantê-lo equilibrado, uma vez que caso não esteja, a pele fica mais vulnerável a tais agentes.

O que é o pH da pele?

pH da Pele - O que é, para que serve e como funciona
Revista Saúde

O potencial Hidrogeniônico da pele é o que indicada o grau de acidez, alcalinidade ou neutralidade da pele. Desse modo, o pH da pele é determinado a partir do equilíbrio de diversos nutrientes que compõem a camada externa da pele. Tais como, água, sais minerais, gordura, secreção das glândulas sebáceas e sudoríparas na superfície da pele.

A partir disso, há uma escala que determina o pH da pele. Essa escala varia entre 0 e 14, e define os três tipos de pH de pele existentes, que são:

  • Neutro: o tipo de pH neutro, é caracterizado pelo equilíbrio entre o grau de acidez e alcalinidade da pele. Portanto, nesse caso, o pH da pele é 7.
  • Ácido: já no pH ácido, o grau de acidez é um pouco maior do que o de alcalinidade. Então, o pH é inferior a 7.
  • Alcalino: nesse último, o grau de alcalinidade é maior do que a acidez, resultando em um pH superior a 7.

Sendo assim, o pH ideal da pele do corpo varia entre 4,7 e 5,7. Contudo, é importante frisar que o pH da pele varia em diferentes fases da vida.

Importância do pH da pele

pH da Pele - O que é, para que serve e como funciona
Derma Clin

Visto que o pH  é um dos principais mecanismo de proteção da pele, ele é essencial para a sua saúde. Assim, uma vez que o manto ácido é o responsável por essa barreira de proteção, é ele que neutraliza os agressores da pele, principalmente os à base de alcalinos. Além disso, ele impede o crescimento de bactérias, restaura e mantém a acidez ideal para manter a pele saudável.

No caso do pH da pele subir a ponto de chegar ao alcalino, o seu equilíbrio natural é alterado. E, assim, os lipídios epidérmicos fundamentais já não conseguem ser sintetizados, deixando a pele seca, muito em decorrência da perda de água. Desse modo, a camada externa da pele já não atua plenamente como barreira de proteção.

Sendo assim, quando essa barreira fica comprometida, é comum que a pele fique seca e sensível. Portanto, mais propensa a infeções e doenças de pele, como dermatite atópica, por exemplo; e condições pouco desejáveis, como a rosácea.

pH da pele em diferentes partes do corpo

pH da Pele - O que é, importância, e como mantê-lo equilibrado
Mulher

É normal que a estrutura da pele seja diferente dependendo da parte do corpo. O mesmo acontece com o seu pH. Dessa forma, enquanto a maior parte da pele do rosto e do corpo mantém um pH entre 4,7 e 5,7, algumas partes do corpo têm um pH um pouco diferente.

  • Mãos: Como as mãos estão constantemente expostas a forças externas, geralmente de trabalho, é natural que o seu pH seja estressado. Sendo assim, o seu manto ácido protetor pode ficar um pouco mais enfraquecido, e propenso a irritações.
  • Axilas: Já as axilas são partes do corpo que podem ficar muito tempo sem receber luz ou ventilação. Além disso, a pele das axilas é constantemente exposta a produtos químicos, como anti-transpirantes e produtos para remover os pelos. Portanto, o pH da pele das axilas fica em torno de 6,5. E todas essas condições favorecem o proliferação de bactérias.
  • Região íntima: Assim como as axilas, a pele da região íntima também tem um pH de 6,5. O que torna a região mais propensa a infecções bacterianas.

Fatores que afetam o pH da pele

pH da Pele - O que é, para que serve e como funciona
Nova Cosméticos

Contudo, há uma série de fatores que podem alterar os níveis alcalinos da pele. E, nem sempre, podemos controlá-los.

Fatores externos que afetam a pele

  • Mudança do clima, como alterações de temperatura e umidade;
  • Sujeira e poluição;
  • Produtos cosméticos alcalinos;
  • Produtos químicos.

No entanto, é importante ressaltar que produtos químicos com um pH alcalino muito alto são extremamente prejudiciais ao pH da pele. Isso porque esses produtos sobrecarregam a capacidade de neutralização da pele, o que resulta em graves danos à sua estrutura e barreira de proteção.

Além disso, alguns tipos de medicamentos muito fortes, como para tratamento de quimioterapia, diuréticos e antibióticos também comprometem as defesas naturais da pele. Desse modo, afetando o seu pH e atrapalhando a sua função protetiva.

Fatores internos que afetam a pele

  • Genética,
  • Idade,
  • Hormônios

Além disso, o pH da pele do homem e da mulher são um pouco diferentes. Isso porque a pele masculina tem um pH médio mais baixo, pelo fato de que a taxa de produção de sebo é maior do que na pele feminina.

E como a questão dos hormônios varia muito em diferentes fases da vida, como na puberdade, gravidez, menopausa e etc; a tendência é de que o pH da pele também sofra alterações. O que é totalmente normal.

Como manter o pH da pele equilibrado?

pH da Pele - O que é, para que serve e como funciona
Alto Astral

Então, como visto até aqui, é extremamente importante manter o pH da pele equilibrado. Fazendo isso, você está protegendo a sua pele e prevenindo o surgimento de irritações e inflamações na cútis.

E, para manter esse equilíbrio, é essencial cultivar hábitos saudáveis. Como por exemplo, ter uma alimentação saudável e beber muita água. Mas, principalmente, manter uma rotina de cuidados regulares com a pele.

É claro, levando sempre em consideração os produtos que você usa devem respeitar o pH natural. Isso, afinal, vai manter a sua barreira de proteção intacta.

O ideal, em síntese, é procurar produtos com ingredientes que atuem no equilíbrio e na restauração do pH, contribuindo para a sua regeneração. Além disso, em algumas regiões do corpo, como mãos, axilas e área íntima, o recomendado é usar produtos que não alterem o equilíbrio da pele.

Mas, você não precisa saber sobre todos estes detalhes na hora de escolher um cosmético. Tudo isso pode ser indicado por um dermatologista.

Enfim, o que achou dessa matéria? Aproveite para conferir também coisas que podem estar deixando sua pele seca.

Fontes: Eucerin  Sallve Terra

Imagem destacada: AC Farma 

Imagens: Revista Saúde  Derma Clin  Nova Cosméticos  Alto Astral Mulher 

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários

Escolhidas para você