Celebridades

Juliette fala sobre diagnóstico de aneurisma durante “Conversa com Bial”

A campeã do BBB 21 Juliette fala sobre seu diagnóstico de aneurisma durante a última edição do "Conversa com Bial".

O lançamento do tão sonhado EP e sua primeira produção musical foi o grande motivo de felicidade da campeã do BBB 21 Juliette, ainda em 2021. Contudo, a ex-BBB precisou dividir as boas emoções com uma notícia ruim. Na época, havia descoberto sobre a suspeita de um aneurisma cerebral. Tudo ocorreu na mesma época em que a cantora levou sua mãe para fazer uma cirurgia. Agora, Juliette fala sobre diagnóstico de aneurisma, e o que sentiu na ocasião, em depoimento durante o “Conversa com Bial”.

“Quando cheguei lá – eu já tinha feito outros exames no cérebro e não tinha dado nada – mas a doutora disse: ‘Vamos fazer um check-up. E eu falei não. No fundo, tinha medo de fazer de novo porque tinha a sensação de que podia ser”, começou ela. “Aí minha mãe fez a cirurgia, ficou super bem e quando ela saiu do quarto eu fui fazer meus exames. Passei uma hora dentro da máquina, recebendo contraste na veia, e na minha cabeça: ‘Sei que chegou a hora e vou saber que tenho um aneurisma, era uma certeza no meu coração que não sabia de onde vinha'”.

Logo depois, Juliette revelou: “Quando saio, a médica já tinha reunido uma equipe de neurologistas”. De acordo com a equipe, a campeã do BBB tinha um aneurisma no mesmo lugar em que sua irmã tinha. Por sua vez, a irmã da artista faleceu em decorrência de um AVC, causado por um aneurisma cerebral. Da mesma forma, no ano passado, sua mãe também havia sofrido com um infarto.

Juliette fala sobre diagnóstico de aneurisma em “Conversa com Bial”

AnaMaria

“Eu tinha certeza de que minha missão tinha sido cumprida, que o propósito era esse. Foi em agosto. Quando lancei meu EP, todo mundo festejando e eu engolindo a dor de saber que tinha o mesmo problema que minha mãe e minha irmã. As pessoas me pediam sorriso, foto, alegria, pediam que eu mostrasse minha vida, tudo… E eu não tinha nada. Só medo e aceitação. E ficava pensando que ninguém imagina o que o outro passa. Enquanto as pessoas estavam pensando no futuro, eu nem sabia se ia ter.”

Em seguida, Juliette falou sobre a recusa de tratamento. Ela chegou até mesmo a evitar pensar no assunto. Mas com o falecimento da cantora Marília Mendonça, acendeu-se um alerta, e os amigos insistiram que ela procurasse ajuda. “E passei três meses sem querer saber disso, fingindo que nem tinha acontecido, que eu estava bem e que não tinha aneurisma. Não queria tratar, não queria operar, fazer nada. Queria que Deus cumprisse a missão… Aí eu estava na cama com meus amigos, e eles falando: ‘Vai fazer, Juliette’. Senti algo muito forte.”

“Chegando em são Paulo, o médico falou: ‘A gente não tem dúvida, é um aneurisma. A gente só quer saber o meio para tratá-lo. Vai fazer o cateterismo, vê a dimensão. Coloca a prótese ou fecha, e faz a cirurgia aberta ou não faz nada se for inoperável”. Assim, Juliette escondeu o diagnóstico da mãe e se despediu de todos antes da operação. Tomei anestesia geral, fui para a mesa de cirurgia já com a certeza de que se terminasse ali estava tudo bem. Fiz minha parte, enfim…”. Mas ali, descobriram que a situação era muito melhor do que esperavam.

Cantora diz ter vivido um milagre

De acordo com a cantora, ela havia vivido um milagre. Na ocasião em que Juliette fala sobre diagnóstico de aneurisma, ela completa: “Aí acordo e o médico diz: ‘Não tinha aneurisma. Todos tinham certeza, eu já estava escolhendo o tamanho da sua prótese’. É uma formação atípica, que raríssimas pessoas têm. Ele acredita que foi um caso em um milhão. Eu acredito que foi um milagre, porque minha vida é isso. Vivo de milagres. Estou aqui”.

Fonte: Extra

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários

Escolhidas para você