Maternidade

Enjoo matinal, o que é? Causas, tratamentos e duração

O enjoo matinal é um resultado da grande produção hormonal durante o início da gestação. O sintoma pode ser controlado com dietas e medicamentos.

Atualizado em 24/06/2020

Já sentiu aquele enjoo no estômago, forte e único, logo pela manhã, ao acordar? Não? Saiba que o enjoo matinal é um dos principais sintomas da gravidez, como também um dos mais incômodos.

Quando menos se espera, a nova mamãe já correu para o banheiro, botando tudo para fora. E, como o enjoo por si só – assim como o ato de vomitar -, é um dos indicativos clássicos de gravidez, trata-se de uma situação que pode durar um bom tempo.

Mas, a boa notícia é que, aos poucos, as mulheres grávidas vão aprendendo a lidar com esse mal-estar matinal. E, apesar do horário ser propício para o incomodo, ele não acontece só pela manhã. Os enjoos também podem vir a qualquer momento do dia.

Dito isso, qual é a causa do enjoo matinal ou não, durante a gravidez? Vamos descobrir!

Causas do enjoo matinal

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Cord Vida

Nas primeiras 16 semanas da gestação, as mulheres sentem desconforto estomacal, náuseas e enjoos constantes. Todos esses sintomas acontecem devido à intensa produção hormonal.

O estrogênio é muito elevado no corpo, afetando diretamente a função gástrica do organismo. Consequentemente, surge o enjoo matinal.

Outras duas substâncias que se elevam são a progesterona e o HCG. Mas, não se preocupe, isso é sinal de que está tudo bem com a gestação. Além disso, há tratamentos para ajudar a suportar essa fase inicial meio complicada.

Apesar de ocorrer em outros horários, o enjoo se denota ainda mais pela manhã porque é o período em que o açúcar está mais baixo no sangue. O período do sono noturno, sem comer, aumenta o ácido gástrico do estômago e, junto à baixa da glicose, potencializam a sensação das náuseas, causando até o vômito.

Quando deve se preocupar?

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Notícias Uol

A princípio, de 70% a 80% das mulheres gestantes sentem enjoo durante a gravidez. É normal ir ao banheiro algumas vezes ao dia para vomitar durante esse período. Apesar disso, há um limite para essa recorrência do sintoma.

A intensificação do enjoo pode gerar riscos para a saúde da mãe e do bebê. Se notar uma recorrência do enjoo matinal durante o dia, é bom procurar um médico para avaliação. A hiperêmese grávidica pode atingir cerca de 1% das mamães nesse período.

Vomitar várias vezes provoca desnutrição, fraqueza, desidratação e, consequentemente, perda de peso. O perigo para a criança, devido à ausência de nutrientes necessários no crescimento, é o nascimento prematuro. Além disso, o bebê pode nascer com pouco peso.

Dito isso, nesses casos, o mais aconselhável é a internação, porque o acompanhamento médico irá repor as vitaminas do corpo, mantendo o equilíbrio durante a gestação.

Tratamentos para o enjoo matinal

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Boa consulta

Os enjoos e vômitos podem, sobretudo, parecer impossíveis de controlar. Contudo, há uma série de estratégias que gestantes podem aderir para evitar essas sensação desagradável, principalmente na período matutino.

Mantenha a comida perto

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Viva Bem

A baixa na glicose e a produção excessiva dos ácidos gástricos são mais comuns pela manhã. Porque são muitas horas sem comer durante a noite. Portanto, tenha sempre uma bolachinha, ou alguma coisa leve ao lado da cama.

A primeira coisa a fazer é ingerir algo doce para que o açúcar se eleve e estabilize o estômago. Esse método vai aliviar, e muito, os enjoos matinais e proporcionar maior qualidade de vida ao acordar. Contudo, não se esqueça de manter o hábito. Além disso, não fique tantas horas no dia sem comer.

Coma várias vezes ao dia

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Dr Ana Escobar

Sabe aquela mania de encher o prato e comer até se sentir bem cheia? Então, não faça isso!

O aconselhável é diminuir as quantidades nas refeições e distribuir os horários de comer em mais vezes por dia. Assim, o organismo vai se manter bem mais balanceado.

Proteínas na dieta

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Ana Maria Braga

A diminuição das refeições não podem alterar na ingestão da proteínas. As substância proteicas são indispensáveis para a formação do bebê.

Portanto, inclua alimentos como ovos, peixes, qualquer tipo de grãos, queijo, frutas e verduras. Além disso, a dieta é indicada do inicio até o fim da gestação.

Invista em alimentos azedos

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Alto Astral

Às vezes, não é nem necessário ingerir a fruta. Corte, por exemplo, um limão e inale aquele cheirinho cítrico. Isso ajudará a controlar o enjoo. Existem essências prontas com esse aroma que podem ser compradas e mantidas o mais próximo da cama, ou em pontos estratégicos da casa.

Gengibre

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Globo Nutrição

As propriedades do gengibre ajudam a equilibrar o ácido do estômago, portanto, o inclua na dieta. Existem várias formas de adequá-lo ao dia a dia, como nos chás, no tempero da carne, ou, se possível, apenas mastigar um pedacinho durante um tempinho.

Mantenha a calma

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Pinterest

Respire fundo quando estiver se sentindo muito enjoada. Controlar a respiração ajuda a controlar o enjoo.

Entretanto, evite ficar próxima ao cheiro de alimentos muito gordurosos. Principalmente, se tiver pessoas que fumam ao seu redor, evite estar ao lado delas, senão a prática pode não funcionar.

Busque seu médico

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Hap Vida

Se toda rotina anterior não funcionar, o ideal é que procure o médico, porque ele poderá passar suplementos e medicamentos que vão cortar o enjoo. Nunca tome remédios de forma avulsa, não é tudo que uma gestante pode tomar. Afinal, a fase da gestação é muito sensível para o bebê.

Até quando dura o enjoo matinal?

Enjoo matinal - o que causa, como conter e até quando pode durar
Flo

A redução dos hormônios necessários para a construção da placenta começam a diminuir por volta do quarto mês, ou segundo trimestre. Na 12º semana, o enjoo matinal começa a ficar mais ameno e ocorre em períodos mais distanciados.

Lembre-se de praticar o repouso no incio da gravidez e de mentalizar que logo passará. No quinto mês, a gestante já está estável, levando a vida normalmente, sem as desagradáveis náuseas matinais.

Por fim, para saber mais leia Teste de gravidez caseiro, 7 tipos de testes para tirar sua dúvida

Fontes: eCycle, Move Notícias, Alto Astral, Viva Bem, Cord Vida, Pioneiro, Eigier Diagnóstico, Uol Pais e Filhos, Clearblue, Pampers, Minha Vida,

Imagens: Cord Vida, Notícias UOL, Boa Consulta, Viva Bem, Dr Ana Escobar, Ana Maria Braga, Globo Nutrição, Pinterest, Hap Vida, Flo.