12 maneiras de diminuir a barriga inchada

A famosa barriga inchada causa um grande desconforto além de de incômodo estético. Confira dicas simples para acabar com o problema:

A barriga inchada ou estufada é um problema bem comum e que causa bastante incomodo, principalmente entre as mulheres.

E engana-se quem acha que a barriga inchada é apenas devido ao excesso de peso. Não mesmo. Esse problema pode estar relacionado à vários fatores, como por exemplo, excesso de gases, retenção de líquidos, má digestão entre outros. Além disso, a barriga inchada também é comum durante o período da menstruação.

No entanto, com hábitos mais saudáveis é possível lidar com a barriga inchada de forma simples e eficaz. Algumas das dicas incluem evitar beber líquidos durante as refeições, comer devagar e claro, ter uma alimentação saudável e rica em fibras. A seguir vamos entender melhor sobre o assunto e conferir todas as dicas para aliviar a barriga inchada.

O que causa a barriga inchada?

A famosa barriga inchada, que vem com aquela sensação de abdomem sempre estufado é algo bastante desagradável, tanto pela estética quanto pelo incômodo em si. E como já adiantamos acima, isso nem sempre é resultado de sobrepeso ou obesidade, existem outros fatores e causas para essa condição.

De modo geral, na maioria das vezes a barriga inchada é resultado de má digestão e acumulo de gases, ou até mesmo excesso de alimentos durante a refeição. Contudo, em alguns casos essa barriga estufada por ser um indicativo de alguma doença e até mesmo intolerância a determinados tipos de alimentos. Como por exemplo:

  • Reação há algum medicamento específico;
  • Acúmulo anormal de líquidos;
  • Cistos ou tumores no abdômen;
  • Prisão de ventre;
  • Insuficiência do pâncreas;
  • Crescimento anormal de bactérias no intestino;
  • Intolerância ao glúten;
  • Intolerância à lactose ou frutose;
  • Síndrome do intestino irritável.

Sendo assim, se esse for um incômodo comum e recorrente, é sempre bom consultar um médico afim de descartar algumas dessas causas da barriga inchada.

12 dicas para diminuir a barriga inchada

Enfim, nos casos mais comuns essas dicas podem acabar de vez com o problema e dar adeus à sensação de barriga estufada.

1. Não beber nada durante as refeições

Esse é um hábito muito comum para várias pessoas, mas não é nada bom. Os líquidos, principalmente a bebidas açucaradas como refrigerantes ou bebidas alcoólicas e até mesmo a água, atrapalham a digestão, além de encher o estômago. Por isso é importante evitar beber qualquer tipo de líquido enquanto come, esperando alguns minutos para então beber alguma coisa. 

2. Consumir probióticos

Outra dica muito valiosa para acabar com a barriga inchada é consumir diariamente probióticos. Então, inclua na sua dieta o iogurte natural ou com bífidos ativos, no café da manhã ou lanche da tarde. Esses alimentos contam com bactérias que regulam a fermentação dos alimentos no estômago e diminuam a produção dos gases.

3. Chá de gengibre

Consumir chá de gengibre todos os dias trás vários benefícios para o organismo, além de ajudar no emagrecimento, essa bebida também combate o inchaço. Desse modo, o chá ajuda a acalmar o estômago, consequentemente diminuindo a produção de gases, bem como ainda melhora o funcionamento do intestino.

4. Evite colocar leite no café

De fato, apenas o café já pode ser nocivo ao estômago, mas na verdade o grande vilão da barriga inchada é o leite. Isso porque ele aumenta a produção de ácido gástrico, aumentando a acidez do estômago. Sendo assim, no café da manhã de preferência para iogurtes ou então café puro. 

5. Faça exercícios todos os dias

A prática de exercícios físicos diariamente trás uma série de benefícios, um deles é ajudar a reduzir o inchaço da barriga. O ideal é fazer pelo menos 30 minutos de alguma atividade todos os dias. Mas o mais recomendado nesse caso é intercalar atividades aeróbicas com exercícios de resistência muscular, como a musculação. 

6. Ingerir água morna com limão

Pela manhã, antes de ingerir qualquer coisa, beba um copo de água morna com o suco de um limão. Essa dupla ajuda a regularizar o ácido gástrico, além de aliviar os sintomas de azia e prevenir a formação de gases.

7.  Evite alimentos que são difíceis de fazer a digestão

Uma das causas mais recorrentes de barriga inchada é o excesso de gases, que pode ser bastante incômodo. Sendo assim, uma forma de evitar o excesso de gases é evitando ou diminuindo o consumo de alimentos de difícil digestão. Tais como refrigerantes, cervejas, bebidas gaseificadas, carne vermelha, queijo e alimentos processados.

8. Evite tomar bebidas alcoólicas de estômago vazio

Da mesma forma que o leite aumenta a produção de ácido gástrico, o álcool também. Só que nesse caso, se não tiver o que ser digerido no estômago, o excesso de ácido pode ser bastante danoso às paredes do estômago. Então nada de ingerir bebidas alcoólicas sem comer nada antes. 

9. Coma devagar

Outra dica muito importante é comer devagar, mastigar bem os alimentos, e não conversar durante a refeição. Tudo isso atrapalha a digestão, aumentando a ingestão de ar, que também aumenta a produção de gases no estômago, causando a barriga inchada.

10. Evite o consumo de alimentos muito gordurosos

Esse tipo de alimento, além de levar ao ganho de peso também são ricos em gordura e açúcar que são pesados e difíceis de digerir. Então, quanto mais difícil é a digestão do alimento, mais gases o estômago irá produzir.

11. Beba muita água

A água ajuda bastante no processo digestivo, além de ser fundamental para o organismo. Sendo assim, é muito importante se manter hidratado, mas evitando beber muita água durante ou depois das refeições. 

12. Consumir mais fibras

Você já deve ter ouvido falar como as fibras são ótimas para a saúde não é mesmo? Além disso, as fibras também proporcionam saciedade por mais tempo, regulam o intestino e evitam a sensação de barriga estufada. Por isso é fundamental incluir alimentos ricos em fibras na sua dieta, como vegetais, pães e massas feito com farinha integral e etc. Contudo, cuidado para não pecar pelo excesso.

Como diminuir a retenção de líquidos?

No caso de a retenção de líquidos ser a principal causa da barriga inchada é importante combater isso. Desse modo, a dica é reduzir o consumo de sal, bem como aumentar a ingestão de alimentos diuréticos, como a melancia, abacaxi ou o pepino. 

Aliás, os chás com ação diurética também são ótimos para acabar com a retenção de líquidos. Alguns dos mais comuns são os chás de salsinha, dente-de-leão e cavalinha. Esses chás ajudam a eliminar o acúmulo de líquidos do organismo através da urina.

Como melhorar o funcionamento do intestino?

Por fim, se o intuito é melhorar o funcionamento do intestino não tem muito segredo. A dica é reduzir o consumo de alimentos que aumentam a produção de gases, como alimentos com glúten, com lactose ou fermentados.

Você pode então fazer algumas substituições alimentares. Como por exemplo, trocar o leite por derivados de soja, substituir o pão tradicional por pão do tipo “pita” ou torradas sem glúten, bem como substituir a carne vermelha e embutidos por carne branca grelhada. Além de trocar o consumo de refrigerantes por água e coco ou sucos naturais, que além de menos calóricos também ajuda na digestão e evitam a barriga inchada.

Além é claro das dicas listadas acima, como aumentar o consumo de água, fazer exercícios físicos diariamente e ter uma dieta saudável e balanceada. Tudo isso ajuda a melhorar o funcionamento do intestino e consequentemente aliviar a sensação de barriga estufada que tanto incomoda.

LEIA MAIS: 

Barriga inchada: 10 causas comuns e o que fazer

Suco fatal contra intestino congestionado e barriga inchada

12 maneiras de diminuir a barriga inchada

Inchaço na menstruação – Tudo que você precisa saber sobre

Retenção de líquido – O que é e como acabar com o inchaço no corpo

Diástase abdominal, o que é? Como identificar, prevenir e tratar

Bibliografia:

  • Doença celíaca: avaliação da obediência à dieta isenta de glúten e do conhecimento da doença pelos pacientes cadastrados na Associação dos Celíacos do Brasil (ACELBRA). Disponível em: https://www.scielo.br/j/ag/a/GWPbjTLkLGLVVwG69sFZFWD/abstract/?lang=pt
  • Controlar líquidos: uma intervenção de enfermagem para o paciente com excesso de volume de líquidos. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rlae/a/XtgmBTmyvpmVz5jhNzfQYHS/?format=html&lang=pt
  • NETO, Francisco Alves Grangeiro; FREITAS, Francisco Orlando Rafael de. Inovações Terapêuticas no Manejo da Síndrome do Intestino Irritável. Disponível em: https://revistacontemporanea.com/ojs/index.php/home/article/view/175

Fontes: Gástrica USUY Tua Saúde Tua Saúde Lifestyle ao Minuto 


Outras postagens

5 1 vote
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários