Celebridades

Gravidez no BBB desperta curiosidade do público após situações na casa

Uma possível gravidez no BBB de Natália dispara alertas dos telespectadores, principalmente dos que confiam em previsões da taróloga Bruna.

A participante Natália, do BBB 22, acordou na manhã do último domingo (27) se queixando para os colegas de confinamento que estava enjoada. Logo depois, a sister precisou vomitar. Isso logo despertou a curiosidade do público, já que a mineira mantém relações sexuais com Eliezer dentro do programa. Assim, a partir disso, não demorou para boatos sobre uma possível gravidez no BBB começarem a rolar.

Da mesma forma, boa parte dos telespectadores também relacionaram a situação de Natália com um sonho que Linn da Quebrada teve. Por sua vez, a artista revelou que havia sonhado com gravidez. Logo depois, Jessi rebateu que, de acordo com uma crença de sua mãe, o sonho significa que alguma amiga próxima pode aparecer grávida.

E nas redes sociais, muitos fãs também levaram em conta as previsões da taróloga Bruna Sensitiva. De acordo com os anúncios feitos por Bruna, antes mesmo do programa começar, a edição atual ficaria marcada por uma expulsão, uma desistência e uma gravidez. Até então, dois presságios da taróloga já viraram realidade. Dessa forma, o público também suspeita que a gravidez de um participante se concretize.

Gravidez no BBB: Natália poderia estar grávida

O Fuxico

Seja como for, no BBB 22, Natália e Eliezer já tiveram relações sexuais algumas vezes. Na primeira vez, foi possível perceber que o casal utilizou proteção, pois Vyni buscou o preservativo para os dois na dispensa. Contudo, em outro momento, os dois não chegaram a interromper os beijos para pegar outro preservativo, mas não se sabe se eles já não teriam deixado um perto da cama para usar.

Até então, na história do programa, nunca houve uma gravidez no BBB. No entanto, é proibido entrar ou estar na casa caso esteja grávida. Assim, é provável que Natália seja expulsa caso haja comprovação da gravidez. E isso aconteceria não como uma punição, mas como uma forma de preservar a saúde da participante.

Fonte: Rádio Jornal Pernambuco

Próxima página »

Escolhidas para você

Comentários

0 0 votos
Dê a sua opinião

guest
0 Comentários
Feedbacks
Ver todos os comentários

Escolhidas para você